Melo e Kubot são bicampeões do ATP 500 de Halle, na grama, no 30º título do mineiro

A dupla Marcelo Melo e Lukasz Kubot, cabeça de chave número 1, é campeã do ATP 500 de Halle. Pelo segundo ano consecutivo, Melo e Kubot comemoraram na grama na Alemanha. Para conquistar o bi, eles derrotaram neste domingo (24) os irmãos alemães Alexander “Sascha” Zverev e Mischa Zverev por 2 sets a 0, parciais de 7/6 (7-1) e 6/4, em 1h27min, repetindo a final de 2017. Foi o segundo título da dupla na temporada 2018 – antes venceram o ATP 250 de Sidney, na Austrália – e o décimo jogando juntos, em 14 finais disputadas. E Melo chega a 30 na carreira, recordista brasileiro. Quatro deles na grama, com este e três no ano passado – S-Hertogenbosch, Halle e Wimbledon.

Agora, todas as atenções se voltam para Wimbledon, Grand Slam que será realizado a partir do dia 2 de julho, em Londres, na Inglaterra, onde Melo e Kubot foram campeões em 2017, uma conquista inédita.

A final em Halle reuniu as mesmas duplas do ano passado e colocou mais uma vez frente a frente dois grandes amigos no circuito: Melo e Sascha. Um buscando o bi, o outro tentando conquistar o título perdido na temporada 2017. E mais uma vez, a festa foi de Melo e Kubot.

A dupla encerrou uma semana em que mostrou muita confiança, com duas viradas para avançar no torneio, e jogando muito bem em todas as partidas. Agora, após dois torneios preparatórios na grama – na Holanda, chegando às semifinais, e na Alemanha, com o título – treinarão visando a estreia em Wimbledon, onde defendem a inédita conquista.

“Foi realmente muito bom. Começamos com chance logo no início, não conseguimos, aí eles passaram um break a frente. Mas mantivemos a calma para pegar, logo depois, o break de volta. No tie break fomos bem superiores, jogamos muito bem, o que deu confiança para o segundo set. Jogamos bem de novo, como tínhamos de jogar, muito sólidos e isso foi muito bom. Aproveitamos a confiança do torneio inteiro para essa final”, disse Melo.

Agora, Wimbledon. “Eu e o Lukasz ficamos muito felizes com o desempenho na grama. Isso dá muita confiança para começar bem Wimbledon, a primeira rodada, jogar tranquilo, sabendo que estamos em nosso alto nível novamente e isso é muito bom. Então vamos chegar lá com confiança, pensando jogo a jogo, especialmente na primeira rodada”, completou.

Coric surpreende Federeer e fica com o título do ATP 500 de Halle. Cilic vira sobre Djokovic em Quenn’s

Neste domingo, Roger Federer foi surpreendido na decisão do ATP 500 de Halle, na Alemanha, disputado na grama, seu piso favorito.

O responsável pela zebra foi o croata Borna Coric, que não deixou a condição de favorito do suíço o assustar, fez um jogo equilibrado e venceu por 7/6(3) 3/6 e 6/2.

Vale destacar que, no primeiro set, Federer chegou a desperdiçar set points, inclusive com o saque, no tiebreak, antes de Coric conseguir a virada.

Com isso, Federer voltará ao nº 2 do ranking da ATP na próxima segunda-feira, já que Rafael Nadal retomará o posto. Além disso, ele vai adiar a possibilidade de conquistar o 100º título da sua carreira em Wimbledon, já que poderia chegar, em Halle, ao 99º.

No ATP 500 de Quenn’s, em Londres, també, disputado na grama, Novak Djokovic começou muito bem diante de Marin Cilic, venceu o primeiro set, mas acabou levando a virada, perdendo por 5/7 7/6(4) e 6/3.

Foto: Gerry Weber Open

Melo e Kubot vencem de virada e estão na final do ATP 500 de Halle

Muito equilíbrio, mais uma virada e a dupla Marcelo Melo e Lukasz Kubot, cabeça de chave número 1, está na final do ATP 500 de Halle, na Alemanha. Pela semifinal, nesta sexta-feira (22), Melo e Kubot venceram o croata Ivan Dodig e o norte-americano Rajeev Ram – cabeças 4 – por 2 sets a 1, parciais de 6-7 (5-7), 6/3 e 12-10, em 1h40min, repetindo o que já haviam feito nas quartas de final, mas desta vez tendo de superar um match tie break bem mais difícil. Campeões do ano passado, eles chegam, assim, pelo segundo ano consecutivo à decisão, indo em busca do bi neste domingo (24).

Na final em Halle, Melo e Kubot vão enfrentar os vencedores da partida entre os alemães Alexander e Mischa Zverev e Nikola Mektic (Croácia)/Alexander Peya (Áustria) – cabeças de chave 2 -, que jogam a outra semifinal, neste sábado (23).

Assim como na partida anterior, diante do bielorusso Max Mirnyi e do austríaco Philipp Osvald, Melo e Kubot perderam o primeiro set no tie-break e voltaram com tudo para a segunda série, abrindo 3-0 – com uma quebra no segundo game – e vencendo por 6/3. Mas, diante de Dodig – que já foi parceiro de Marcelo – e Ram, o match tie break que definiu o jogo foi muito mais equilibrado, com as duas duplas tendo chances de fechar a partida. Antes de garantir a vitória, saindo de 7-9 para 12-10, Melo e Kubot salvaram dois match points.

“Estou muito feliz. Fizemos um grande jogo, passando para a final. Segundo ano que jogamos aqui, ano passado fomos campeões e agora temos a chance de defender o título. Temos jogado muito bem durante a semana, hoje foi o nosso melhor jogo. Conseguimos salvar dois match points, contra o Ivan e o Rajeev Ram, dois excelentes jogadores. Estamos com muita confiança. Tinha várias brasileiros torcendo por nós aqui. Valeu pela torcida dos presentes e dos que sempre mandam mensagem”, disse Melo.

Marcelo Melo e Lukasz Kubot estreiam com vitória no ATP 500 de Halle

Marcelo Melo e Lukasz Kubot, cabeças de chave número 1 e campeões no ano passado, venceram o israelense Jonathan Erlich e o norte-americano Nicholas Monroe e estão nas quartas de final do ATP 500 de Halle, na Alemanha.

Em sua estreia no torneio, nesta quarta-feira (20), Melo e Kubot confirmaram o favoritismo, dominaram a partida e marcaram 2 sets a 0, parciais de 6/3 e 6/4, em 1h09min. Este é o segundo torneio preparatório na grama da dupla para Wimbledon, Grand Slam que será realizado de 2 a 15 de julho, em Londres, na Inglaterra.

Agora, em busca de um lugar na semifinal em Halle, Melo e Kubot vão enfrentar o bielorusso Max Mirnyi e o austríaco Philipp Osvald, que eliminaram o polonês Marcin Matkowiski e o holandês Matwe Middelkoop por 2 a 0, parciais de 7/5 e 7/6 (7-4).

“Hoje fizemos um excelente jogo. Tivemos várias chances durante o primeiro e o segundo set e conseguimos aproveitar algumas delas. Depois sacamos para fechar o jogo, não conseguimos, mas mantivemos a calma e fechamos, quebrando de novo. Foi uma bela estreia. Gostamos muito de jogar aqui. Vamos continuar tentando fazer da mesma maneira, sendo agressivo, jogando como tem de jogar, que temos boas chances de dar mais um passo, na próxima rodada, nas quartas de final”, afirmou Melo.

Melo e Kubot conquistam em Halle o 2º título seguido e seguem embalados para Wimbledon

Marcelo Melo e Lukasz Kubot são campeões do ATP 500 de Halle, na Alemanha, que é disputado na grama.

Neste domingo,  o mineiro e o polonês comemoraram a segunda conquista seguida na grama, vencendo os irmãos alemães Alexander Zverev e Mischa Zverev, por 2 sets a 1, com parciais de 5/7, 6/3 e 10/8, após 1h25.

Este é o quarto título da dupla nesta temporada – ganharam os Masters 1000 de Miami e Madri, o ATP 250 de ‘s-Hertogenbosch e, agora, na Alemanha.  Com isso, eles se consolidam como líderes no ATP Doubles Team Race to London, que define as oito melhores parcerias de 2017 para disputar o ATP Finals. Melo, terceiro colocado no ranking mundial individual de duplas, conquistou em Halle o 26º título de sua carreira.

“Estamos muito felizes com nosso desempenho na grama. São dois títulos seguidos. Conseguimos jogar muito bem em todas as adversidades, estando na frente, estando atrás, buscando jogo, em dois torneios diferentes. É muito difícil você manter o mesmo ritmo em dois torneios. E fizemos isso. Encontramos bem o caminho e agora é seguir firme para o principal objetivo que é Wimbledon. Estamos bem focados, com confiança lá em cima para poder fazer um bom resultado lá”, comemorou Melo.

Depois dos dois torneios como preparação  e dois títulos na grama, Melo e Kubot seguirão, agora, treinando, até a estreia em Wimbledon, terceiro Grand Slam da temporada, que começa no dia 3 de julho, em Londres, na Inglaterra.

Melo e Kubot vencem de virada e estão na final do ATP 500 de Halle

Marcelo Melo e Lukasz Kubot estão na final do Gerry Weber Open, ATP 500 disputado na grama, em Halle, na Alemanha.

Nesta sexta-feira (23), em uma difícil partida pela semifinal, o mineiro e o polonês – cabeças de chave número 1 – venceram o francês Fabrice Martin e o espanhol Albert Ramos-Vinolas de virada, no match tie break, com parciais de  6/7 (2-7), 7/6 (8-6) e 10/3, em 1h45. Agora aguardam os vencedores da partida entre os alemães Alexander Zverev/Mischa Zverev e os atuais campeões Raven Klaasen (África do Sul)/Rajeev Ram (EUA), para conhecer os adversários da final de domingo.

Será a segunda decisão na série de torneios que disputam em quadra de grama, como preparação para Wimbledon.

“Tivemos uma partida muito dura. Nossa vantagem foi que utilizamos a confiança dos últimos jogos, de todas as vitórias até aqui. Não conseguimos aproveitar dois sets points na primeira série. Mas, o importante foi seguir até o último momento, em especial no final do tie break do segundo set, quando aproveitamos uma única chance para ganhar e começar com tudo no match tie break, onde o início foi realmente decisivo, abrindo vantagem. Ficamos felizes por  virar a partida, não jogando tão bem quanto as outras rodadas, mas usando essa confiança. Isso foi realmente muito bom para passar para a final. Agora vamos ter um dia de descanso, até a decisão no domingo”, disse Melo.

Campeões na Holanda, em ‘s-Hertogenbosch, na semana anterior, Melo e Kubot disputam o segundo torneio na grama nessa fase de preparação para Wimbledon, terceiro Grand Slam do ano, que será realizado em Londres, na Inglaterra, no início de julho.

Soares/Murray vence dupla campeã de Roland Garros. Melo na semi em Halle

Bruno Soares e Jamie Murray estão na semifinal do ATP 500 de Quenn’s, na Inglaterra, que é disputado na grama.

Nesta quinta-feira, o mineiro e o seu parceiro britânico venceram a dupla campeã de Roland Garros, formada pelo neozelandês Michael Venus e o norte-americano Ryan Harrison, com parciais de 7/6(1) 4/6 e 10/6.

Por vaga na final, eles terão pela frente o croata Marin Cilic e o polonês Marcin Matkowski, que bateram o brasileiro Marcelo Demoliner e o neozelandês Marcus Daniell, com parciais de 7/6(9) 1/6 e 10/8.

Quem também está na semifinal, mas do ATP 500 de Halle, é Marcelo Melo, ao lado do polonês Lukasz Kubot.

Eles venceram nesta quinta os espanhóis Roberto Bautista-Agut e David Ferrer, em sets diretos, com parciais de 6/1 e 6/4.

Na semi, seus adversários serão o francês Fabrice Martin e o espanhol Albert Ramos.

Melo/Kubot passa por Nishikori/Verdasco em Halle. Soares e Murray superam estreia em Quenn’s

Marcelo Melo e Lukasz Kubot estrearam com um difícil vitória no ATP 500 de Halle, na Alemanha, que é disputado na grama.

Nesta quarta-feira, eles passaram pelo japonês Kei Nishikori e o espanhol Fernando Verdasco, em três sets, com parciais de 6/4 4/6 e 10/8.

“Fiquei muito feliz, mais uma vez, com o nosso desempenho. Encaramos uma dupla realmente muito difícil, o Nishikori, junto com Verdasco, este vindo de uma semifinal de Roland Garros, sabe muito bem jogar uma dupla, com seu saque de canhoto, e desempenhamos bem o nosso jogo. No match tie break, conseguimos usar a confiança conquistada com o título na Holanda, na grama, para reverter a desvantagem no 8/7 e vencer. Isso nos deixa mais confiantes ainda. Assim, a estreia foi muito boa e, agora, é seguir com tudo para a próxima rodada”, disse Melo.

Nas quartas de final, eles terão pela frente a dupla formada pelos espanhóis Roberto Bautista-Agut e David Ferrer.

No ATP 500 de Quenn’s, em Londres, também disputado na grama, Bruno Soares e  britânico Jamie Murray também começaram bem.

Nesta quarta, eles superaram o luxemburguês Gilles Muller e o norte-americano Sam Querrey em sets diretos, com parciais de 7/6(4) e 6/1.

Em busca da semifinal, eles jogarão contra a dupla campeã de Roland Garros há poucos dias, o neozelandês Michael Venus e o norte-americano Ryan Harrison.

Federer vence mais uma e encara Goffin nas quartas em Halle. Murray bate Bedene em Queen’s

Federer - Halle peqRoger Federer conseguiu mais uma vitória e está nas quartas de final do ATP 500 de Halle, na Alemanha, que é disputado na grama.

Nesta quinta-feira, o suíço teve certo trabalho contra o tunisiano Malek Jaziri, chegou a ficar com quebra de saque atrás no segundo set, mas venceu por 6/3 e 7/5.

Nas quartas, Federer terá pela frente o belga David Goffi, que vencia o ucraniano Sergiy Stakhovsky por 4/6 7/5 e 2/0, quando viu o adversário abandonar. Os dois já se enfrentaram quatro vezes, com quatro vitórias do ex-nº 1 do mundo.

No ATP 500 de Queen’s, em Londres, Andy Murray venceu o britânico Aljaz Bedene por 6/3 e 6/4 e, nas quartas de final, jogará contra outro britânico, Kyle Edmund.

O canadense Milos Raonic fez sets equilibrados, mas venceu o tcheco Jiri Vesely em dois sets, com parciais de 7/5 e 7/6(7), e aguarda nas quartas o vencedor do confronto entre o norte-americano Donald Young e o espanhol Roberto Bautista-Agut.

Facebook