Bellucci vence favorito Klizan e avança às quartas em Genova

O tenista brasileiro Thomaz Bellucci avançou nesta quinta-feira às quartas-de-final do Challenger de Genova, na Itália, com premiação de 127 mil Euros. Bellucci, que entrou na chave principal de lucky loser, derrotou o cabeça-de-chave 1, o eslovaco Martin Klizan 71o. colocado no ranking mundial, de virada, salvando match point, por 3/6 7/5 4/0 e desistência do adversário. O brasileiro volta a jogar nesta sexta, em busca de vaga na semifinal, contra o chileno Christian Garin (158o.).

“Foi um jogo bem duro. Tive bem perto de perder no segundo set, mas consegui salvar match point. Acho que o meu mérito hoje foi continuar lutando e não desistir, acreditando até o último ponto. Não fiz uma grande partida, mas no terceiro set consegui subir o meu nível e ele sentiu a chance perdida de ganhar o jogo. Depois daquele game do match point o jogo foi outro e consegui dominar bastante, jogar sólido, cometer poucos erros e ele acabou errando bastante. É bom ganhar de um cara top 100, um grande jogador que é o Klizan e seguimos na luta,” disse Bellucci, atual 311o. no ranking mundial.

Bellucci entra em Gênova como lucky-loser e supera italiano na estreia. Rogerinho e Monteiro perdem

Depois de entrar na chave como lucky-loser, Thomaz Bellucci foi o único brasileiro que passou pela primeira rodada do Challenger de Gênova, na Itália, que é disputado no saibro.

Nesta terça-feira, o brasileiro conseguiu uma boa vitória sobre o italiano Gian Marco Moroni, em sets diretos, com parciais de 7/6(6) e 6/3, garantindo vaga nas oitavas de final do torneio.

Seu próximo adversário será o eslovaco Martin Klizan, cabeça de chave nº 2 e nº 71 do mundo. Os dois já se enfrentaram cinco vezes, com três vitórias do jogador europeu.

Também nesta terça, pela primeira rodada, Rogério Dutra Silva, o Rogerinho, levou a virada do argentino Federico Delbonis, que anotou 4/6 6/4 e 6/3, enquanto Thiago Monteiro foi superado pelo chileno Christian Garin por 6/3 e 6/4.

Feijão e Bellucci perdem no quali do Challenger de Gênova, que terá estreias de Rogerinho e Monteiro na 3ª

Uma vitória e duas derrotas, esse foi o saldo brasileiro nesta segunda-feira, no qualifying do Challenger de Gênova, na Itália, que é disputado no saibro.

Primeiro a entrar em quadra, João Souza, o Feijão, conseguiu uma boa vitória sobre o croata Mate Delic, com parciais de 6/2 e 7/5, garantindo vaga na última rodada do quali. Porém, logo em seguida, ele começou muito bem diante do italiano Andrea Pellegrino, com um pneu, mas levou a virada e perdeu por 0/6 6/3 e 6/3.

Thomaz Bellucci entrou em quadra e foi eliminado na segunda rodada do quali pelo húngaro Zsombor Piros, com parciais de 3/6 6/4 e 6/4.

Na chave principal, dois brasileiros estreiam nesta terça-feira. Primeiro, Rogerinho deverá ter uma partida difícil diante do argentino Federico Delbonis, eu já o venceu nas duas vezes em que se enfrentaram.

Depois, Thiago Monteiro terá pela frente o chileno Christian Garin, em confronto que será inédito.