Clezar estreia nesta 2a. na Vivo Tennis Cup, no Marapendi

O ATP Challenger Vivo Tennis Cup apresenta para o público carioca cinco dos seis melhores tenistas brasileiros da atualidade. Entre eles, o gaúcho Guilherme Clezar fará sua estreia nesta segunda-feira diante do equatoriano Nicolas Lapentti, número 215 do ranking. O confronto, inédito no circuito, fecha a rodada noturna às 19h, na quadra central, com entrada para o público no Clube Marapendi.

Clezar estreia nesta 2a. na Vivo Tennis Cup, no Marapendi

Para o número 5 do País, o desejo é entrar em quadra para jogar de forma agressiva. “Quero me sobressair desde o início da partida e espero aproveitar os pontos fortes do meu jogo. Embora este seja nosso primeiro confronto, o conheço bem e acredito que esta partida não tenha tantas surpresas para ambos”, disse Clezar.

O tenista gaúcho, atual 183o colocado na ATP, fez pré-temporada na Argentina com o treinador Pablo Fuente e chega ao Rio de Janeiro após perder para João Souza, o Feijão, na primeira rodada do ATP Challenger de Buenos Aires.

Esta segunda-feira também marcará o primeiro duelo brasileiro na chave principal. Os wild cards Cadu Severino e Pedro Sakamoto, ambos tenistas que treinam no Rio de Janeiro, se enfrentam não antes das 14h. O vencedor pode encarar o argentino Facundo Arguello na rodada seguinte.

Outros atrativos na programação do dia serão as rodadas finais do quali, a estreia do espanhol Roberto Baena, cabeça 2 da chave, e a parceria 100% carioca, formada por Wilson Leite e Severino, que entra em quadra diante do gaúcho André Ghem e do português Gastão Elias.

RESULTADOS – QUALIFYING (17/1)
João Gabriel Velloso (BRA) d. Emilio Gomez (EQU) – ret. (contratura nas costas)
Tiago Lopes (BRA) d. Igor Marcondes (BRA) – 6/2 4/6 7/5
Gabriel Hidalgo (ARG) d. Gustavo Cruz (BRA) – 6/1 6/2
Fabricio Neis (BRA) d. Yuri Andrade (BRA) – 4/6 7/6 (2) 6/4
Gonzalo Escobar (EQU) d. Enzo Kohn (BRA) – 6/0 6/3
Clement Geens (BEL) d. Alexandre Girotto (BRA) – 6/0 6/2
Andrea Collarini (ARG) d. Lucas Lobão (BRA) – 6/0 6/0
Peter Torebko (ALE) d. Felipe Lima (BRA) – 6/1 6/0

PROGRAMAÇÃO – VIVO TENNIS CUP (18/1)
Quadra Central
12h – Qualifying: Gonzalo Escobar (EQU) vs Tiago Lopes (BRA)
Não antes das 14h -[WC] Carlos Eduardo Severino (BRA) vs Pedro Sakamoto (BRA)
Não antes das 16h – G. Andreozzi (ARG)/M. Arevalo (ESA) [3] vs F. Arguello (ARG) vs A. Collarini (ARG)
Não antes das 18h – [WC] W. Leite(BRA)/C. Severino(BRA) vs G. Elias(POR)/A.Ghem(BRA)
Não antes das 19h – Giovanni Lapentti (EQU) vs Guilherme Clezar (BRA)

Quadra 1
12h – Qualifying: Peter Torebko (GER) vs Fabricio Neis (BRA)
Não antes das 14h – [Alt] Axel Michon (FRA) vs Roberto Carballes Baena (ESP) [2]
Não antes das 18h – R. Hidalgo(ESP)/P. Riba(ESP) vs P. Cachin(ARG)/R. Baena (ESP)

Quadra 2
12h – Qualifying: [WC] João Gabriel Velloso (BRA) vs Andrea Collarini (ARG)
A seguir – Qualifying: Clement Geens (BEL) vs Gabriel Alejandro Hidalgo (ARG)

A Vivo Tennis Cup é patrocinada pela Vivo Através da Lei de Incentivo ao Esporte do Governo do Estado do Rio de Janeiro, por meio da Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude e tem o copatrocínio da Estácio, Stella Artois, Furnas e AON. O torneio tem apoio de SporTV, Hotel Transamérica Prime Barra, Clube Marapendi e ATP Challenger Tour. A realização é do Instituto Sports.

VIVO TENNIS CUP
ATP Challenger – US$ 50 mil em premiação
Período: de 16 a 24 de janeiro de 2016
Local: Clube Marapendi
Endereço: Avenida das Américas, 3979 – Barra da Tijuca – Rio de Janeiro/RJ
Entrada Gratuita

Clezar recebe convite para o Challenger Finals

O gaúcho Guilherme Clezar recebeu nesta quarta-feira o wild card (convite) para jogar o ATP Challenger Tour Finals 2015, de 25 a 29 de novembro, no Esporte Clube Pinheiros.

Clezar ganha convite para o Challenger Finals

Em sua quinta edição, o ATP Challenger Tour Finals reunirá em São Paulo os sete melhores da temporada e mais um tenista convidado na disputa por importantes pontos no ranking e uma premiação total de US$ 220 mil.

Além de Clezar, jogarão o Challenger Finals os espanhóis Daniel Munoz-De La Nava e Inigo Cervantes, os italianos Paolo Lorenzi e Marco Cecchinato, o argentino Guido Pella, o uzbeque Farrukh Dustov e Radu Albot, da Moldávia. O paulista Rogério Dutra Silva e o gaúcho André Ghem serão “alternates” (reservas) na competição.

Vice-campeão do ano passado, Clezar, que está na Argentina jogando o Challenger de Buenos Aires, recebeu com alegria o convite para o torneio: “Estou muito contente por mais essa oportunidade que a Koch Tavares está me dando de participar desse grande evento. Fiz um ótimo torneio no ano passado e as memórias são as melhores possíveis. Tenho convicção que posso jogar no mesmo patamar dessa vez.”

Atual 169o. do mundo, Clezar, 22 anos, é um dos jovens talentos do tênis brasileiro. Este ano, até agora, disputou 22 torneios do ATP Challenger Tour e foi vice-campeão em Santiago.

Confira os jogadores do ATP Challenger Tour Finals 2015:
1o. Daniel Munoz-De La Nava (ESP)
2o. Paolo Lorenzi (ITA)
3o. Guido Pella (ARG)
4o. Marco Cecchinato (ITA)
5o. Inigo Cervantes (ESP)
6o. Farrukh Dustov (UZB)
7o. Radu Albot (MDA)
8o. Guilherme Clezar (BRA)

Alternates – Rogério Dutra Silva (BRA) e André Ghem (BRA)

Todos os campeões
2014 – Diego Schwartzman (ARG)
2013 – Filippo Volandri (ITA)
2012 – Guido Pella (ARG)
2011 – Cedrik-Marcel Stebe (ALE)

Serviço:
ATP Challenger Tour Finals
Data – 25 a 29 de novembro
Local – Esporte Clube Pinheiros
Av. Brigadeiro Faria Lima, 2.484
Entrada gratuita

Brasileiros estreiam nesta 4ª nos Challengers de San Luis Potosi e Le Gosier

Brasileiros estreiam em San Luis do Potosi nesta 4a.Os três brasileiros que disputam a chave principal do Challenger de San Luis do Potosi, no México, Caio Zampieri, Fabiano de Paula e Guilherme Clezar, estreiam nesta quarta na competição realizada no saibro e que distribui U$ 50 mil em prêmios e pontos no ranking mundial.

Zampieri que veio do qualifying pega o britânico Brydan Klein; Clezar enfrenta o americano Connor Smith e De Paula joga contra o espanhol Adrian Menendez Macieira, que passou o qualifying do Masters 1000 de Miami, há poucos dias.

No Challenger de Le Gosier, em Guadalupe, disputado no piso duro e com premiação de US$ 100mil, o gaúcho André Ghem também entra em quadra nesta quarta e seu adversário será o eslovaco Filip Horansky.

Também nesta quarta, Henrique Cunha, que passou pelo qualifying, terá pela frente o francês Gianni Mina.

Clezar joga para ir à decisão do ATP Challenger Finals, em SP

O gaúcho Guilherme Clezar será o representante brasileiro nas semifinais do ATP Challenger Tour Finals, a Final Mundial do Circuito Challenger de Tênis de 2014, que serão disputadas neste sábado, no Esporte Clube Pinheiros, em São Paulo, com entrada gratuita para o público.

Em mais uma boa atuação, o tenista de 21 anos derrotou o esloveno Blaz Rola pelo placar de 6/4 e 6/3, nesta sexta-feira, no Esporte Clube Pinheiros, na última rodada da fase classificatória da competição.

Com mais essa vitória, Clezar garantiu a segunda posição do Grupo B e avançou à próxima fase da competição. A liderança do grupo ficou com o argentino Diego Schwartzman, que salvou dois match points e venceu de virada o paulista João “Feijão” Souza, eliminado do torneio, por 3/6 7/6(2) 6/2 e com três derrotas na competição. feijao2

“Tentei não pensar muito nisso (que tinha poucas chances após a derrota na estreia). Tentei entrar na quadra e jogar o próximo jogo sempre. Sabia que tinha minhas chances, me agarrei nelas, e acho que hoje consegui fazer o melhor jogo dos três”, afirmou Clezar, que em busca de uma vaga na decisão terá pela frente o dominicano Victor Estrella Burgos, que terminou a primeira fase na liderança do Grupo A.

“É bom estar na semifinal de um torneio importante. Amanhã quero entrar com o mesmo foco que entrei hoje para sair com a vitória”, comemorou o gaúcho.

Clezar e Burgos se enfrentaram apenas uma vez no circuito. O encontro aconteceu na cidade de Bogotá, na Colômbia, em 2013. Na ocasião, Burgos levou a melhor em sets diretos.

“Adversário complicado, já conheço ele de outros carnavais. Jogamos uma vez. Jogador experiente, teve bons resultados esse ano, não só no circuito Challenger, mas também na ATP. Tenho as minhas chances, como tive nos outros jogos, amanhã é entrar e jogar o melhor”, analisou Clezar.

O outro classificado do Grupo A é o italiano Simone Bolelli, cabeça de chave 1, que obteve duas vitórias e uma derrota. Na semifinal, o número 60 do ranking encara pela primeira vez o argentino Diego Schwartzman.

Resultados desta sexta:
Victor Estrella Burgos (DOM) d. Simone Bolelli (ITA) – 6/4 6/2
Andreas Haider-Maurer (AUT) d. Máximo González (ARG) – 4/6 6/1 6/1
Diego Schwartzman (ARG) d. João Souza (BRA) – 3/6 7/6(2) 6/2
Guilherme Clezar (BRA) d. Blaz Rola (SLO) – 6/4 6/3

Serviço:
ATP Challenger Tour Finals

Local – Esporte Clube Pinheiros
Av. Brigadeiro Faria Lima, 2.484
Entrada gratuita

Challenger do Rio Grande do Sul terá 3 top 100

Os argentinos Carlos Berloq, 67º colocado do ranking mundial, Diego Schwartzman, 85º, e Facundo Bagnis, 98º, disputarão a chave principal do Campeonato Aberto de Tênis do Rio Grande do Sul, apresentado pela Secretaria de Estado do Esporte e do Lazer e por Água Skin. O torneio da série Challenger será disputado de 20 a 28 de setembro, nas quadras de saibro, da Sogipa, em Porto Alegre. Entre os tenistas brasileiros, os gaúchos André Ghem e Guilherme Clezar, o catarinense Thales Turini, o paulista Ricardo Hocevar e o pernambucano José Pereira também já estão confirmados no evento.

Challenger do RS terá 3 top 100

Esta é a terceira edição consecutiva do Aberto de Tênis do Rio Grande do Sul, que neste ano distribuirá o total de US$ 40 mil em prêmios e contará pontos para o ranking mundial da Associação dos Tenistas Profissionais (ATP) como um torneio de US$ 50 mil.

PRÊMIOS – O campeão do Aberto de Tênis do Rio Grande do Sul somará 80 pontos no ranking mundial e receberá o prêmio de US$ 5.750, enquanto o vice-campeão receberá 48 pontos e US$ 3.390.

RETROSPECTO – Em 2013, o título do torneio ficou com o argentino Facundo Arguello, que na partida final venceu seu conterrâneo Maximo Gonzalez em dois sets. Arguello já confirmou que estará em Porto Alegre para defender o título. Em 2012, o alemão Simon Greul foi o campeão, e o português Gastão Elias, o vice.

QUALIFYING – O torneio qualificatório do Aberto de Tênis do Rio Grande do Sul está programado para o fim de semana dos dias 20 e 21 de setembro e definirá quatro jogadores para a chave principal.