Instituto Rede Tênis Brasil promove o Torneio College 2020

Nomes conhecidos como Pedro Zerbini, Diego Cubas, Bruno Rosa e Paula Gonçalves já confirmaram participação, no próximo dia 14 de novembro, no “1º Torneio Ex College IRTB”, quando entrarão em quadras ao lado de ex atletas universitários, convidados e empresários apoiadores do esporte.

Promovido pelo Instituto Rede Brasil de Tênis – IRTB, com o apoio da Wilson, da JFL Living e com patrocínio da Flow Executive Finders, o evento acontece em Barueri/SP, no Sportville Centro de Treinamento, sede da Academia IT, uma das redes credenciadas pelo Instituto Rede Tênis Brasil. A meta é estimular e mostrar a sinergia entre saúde, educação e esporte, que se reflete no sucesso nas quadras e ainda propicia o desenvolvimento e conquistas profissionais.

“Muitos tenistas consagrados, como Pedro Zerbini, Diego Cubas e Bruno Rosa, iniciaram suas carreiras profissionais graças às oportunidades que surgiram após se graduarem nos Colleges americanos, que concedem bolsas de estudo para jovens estudantes que possuam vocação esportiva. Hoje, eles ocupam posições de destaque no mercado de trabalho”, afirma Raphael Barone, diretor do IRTB.

Ele destaca que essa é uma edição piloto do torneio, que terá continuidade ao longo de 2021 como parte da programação do IRTB. “Será um circuito com cerca de quatro a cinco eventos sediados em vários estados brasileiros, constituindo uma plataforma de apoio onde os jovens que retornam dos estudos no exterior, conectados ao tênis, poderão se encontrar, sendo um fomentador de networking importantíssimo”, diz Barone.

O torneio terá oito equipes com quatro jogadores cada uma, em duplas masculinas e femininas, a exemplo do modelo vivenciado no College para os que estudavam com bolsa através do tênis. O formato começa nas quartas de final e vai até a decisão no mesmo dia. Os empresários participantes também estarão disputando um torneio paralelo em duas das quadras do centro de treinamento.

Reconhecido como um esporte seguro neste período de pandemia, por não haver a necessidade de contato entre os atletas, o torneio será realizado em local aberto, e estão asseguradas todas as medidas do protocolo de prevenção da Covid-19.

Um dia antes das competições (dia 13) haverá um jogo de exibição entre os atletas João Lucas Reis e Matheus Pucinelli na quadra rápida do edifício VO699 da JFL Living, além de um sorteio que definirá as equipes e chaves.

 

Evento: 1º Torneio College 2020

Dia: 14 de novembro

Local: Sportville Centro de Treinamento IT –  Barueri/SP

Horário:08h30 às 17h00

Entrada para convidados

 

Principais tenistas do país fazem pré-temporada em Comandatuba

Já de olho na temporada de 2021, grandes nomes do tênis brasileiro farão a sua pré-temporada no nordeste. Bruno Soares, Thiago Monteiro, Beatriz Haddad Maia, Thomaz Bellucci e Rogério Dutra Silva farão a sua preparação para o próximo ano no Transamerica Resort Comandatuba, localizado no litoral sul da Bahia. Serão três semanas de treinamento intensivo, entre os dias 30 de novembro e 19 de dezembro, com o melhor do tênis nacional concentrado na paradisíaca ilha de Comandatuba.

Soares, atual número 6 do mundo e dono de seis títulos de Grand Slam; Monteiro, tenista número 1 do Brasil; Bia, ex-58 do mundo; e Bellucci, ex-21 do mundo e quatro vezes campeão na ATP, lideram o grupo. Além dos profissionais, os maiores nomes do futuro do tênis brasileiro e ex-tenistas também estarão presentes na pré-temporada, que une o esporte ao lazer e segue as medidas de segurança da OMS.

“Estamos procurando uma base aqui para reunir toda a cadeia do tênis. Normalmente faço a pré-temporada nos EUA, mas com o COVID-19 e todas as restrições de viagens não seria uma opção simples e acabamos colocando em prática essa ideia que já estava no ar faz um tempo,” contou Bruno Soares, de Londres, onde se prepara para jogar o ATP Finals, a partir de domingo.

“Desde a criançada, incluindo os juvenis na transição e os empresários, amigos, amantes do tênis, queremos todos juntos lá em Comandatuba, onde conseguimos criar esse ambiente propício para o esporte, em um lugar paradisíaco. Vamos conseguir estar presentes, curtindo tênis, treinando duro e trocando experiências.”

O público também terá a chance de participar, com clínicas e treinamentos liderados por Hugo Daibert, treinador de Bruno Soares e com os ex-tenistas André Sá, Teliana Pereira e Thiago Alves. Os interessados poderão adquirir pacotes para toda a família: kids (4 a 10 anos), pré-equipe (8 a 12 anos), full time (atletas de 12 a 18 anos), profissional (para profissionais juvenis em transição) e adulto (com vagas limitadas e que inclui clínica e jantar com os profissionais). “Em uma chance única, pessoas de todas as idades poderão conviver, aprender e treinar com os melhores tenistas do país, em um cenário propício para a prática do tênis e para o lazer,” contou Marcio Torres, ex-tenista profissional e fundador da Linkinfirm que organiza o encontro que tem realização da Fly Sports.

Os juvenis que já confirmaram presença são Mateus Alves, Natan Rodrigues, Pedro Boscardin, Bruno Oliveira e João Ferreira.

Os pacotes estão com valores promocionais para os tenistas e amantes do esporte. A programação inclui tênis diariamente, para crianças a partir de 4 anos, com horários intensificados conforme nível e idade e diferentes opções de acomodações e hospedagem no sistema all inclusive. Crianças de até 11 anos e 11 meses tem cortesia na diária na mesma acomodação dos pais (até 2 por reserva).

Para mais informações e reservas, entre em contato com a FABERG Tour Experience, agência escolhida para ser a revendedora oficial.

E-mail: info@faberg.com.br
Whatsapp: +55-11-97289-3661
Telefone: (011) 3093-2828

 

Luiz Procopio Carvalho assume vice-presidência de eventos na IMG Worldwide

Luiz Procopio Carvalho, que há 8 anos  é o Diretor do Rio Open, maior torneio de tênis da América do Sul, está de mudança para Londres onde irá assumir a vice-presidência da área de Eventos/Tênis na IMG Worldwide. O executivo seguirá à frente do evento brasileiro, como Diretor do Torneio.

“Minha vida se confunde com o tênis. Foi esse esporte que deu tudo pra mim e pra minha família e estou muito empolgado com a oportunidade de integrar a equipe da IMG e acumular essa função dentro da empresa de marketing esportivo mais poderosa do planeta.”

Lui, como é conhecido no mundo do tênis, leva na bagagem mais de 14 anos na organização de eventos esportivos tendo passagens pela ATP e Koch Tavares. Na nova função dentro da IMG, irá supervisionar o portfólio de eventos de tênis da IMG que conta com o Rio Open, Chengdu Open, Shenzhen Open, San Jose, Rakuten Japan Open, Mubadala World Tennis Championship em Abu Dhabi entre outros.

“Já são quase 9 anos fazendo parte da equipe da IMM e Rio Open. Tiramos um projeto ambicioso do papel e temos muito orgulho de ter transformado o Rio Open ao longo desse tempo no que é hoje um ATP 500 consolidado no calendário internacional e referência em entretenimento no Brasil. Tenho certeza que meu trabalho dentro da IMG só irá beneficiar a IMM e o Rio Open tendo em vista que irei conseguir trazer o expertise dos outros eventos que estarei envolvido além de buscar novas oportunidades no esporte para o nosso país.

Demoliner e Middelkoop são vice em São Petersburgo

Marcelo Demoliner e Matwe Middelkoop ficaram com o vice-campeonato no ATP 500 de São Petersburgo, na Rússia. Neste domingo, o brasileiro e o holandês foram superados pela experiente dupla do austríaco Jurgen Melzer e do francês Edouard Roger-Vasselin por 6/2 7/6.

Esta foi a 13ª final da carreira do brasileiro, que possui três títulos no currículo, nos ATPs 250 de Moscou, Córdoba e Anatólia.

Demoliner seguirá para a disputa do ATP 250 de Antuérpia, onde jogará ao lado do sérvio Nikola Cacic. A estreia será contra os belgas Sander Gille e Joran Vliegen.

Foi neste mesmo ATP, 17 anos atrás, que Guga conquistou o torneio, em simples.

Gutierrez é campeão em Curitiba, no Brasil Tennis Classic

O Brasil Tennis Classic chegou ao fim neste domingo com a conquista do gaúcho Oscar Gutierrez. Antes de chegar a Curitiba, o tenista de 27 anos vivia um período de desconfiança pela sequência de resultados negativos na gira europeia, mas ao longo desta semana soube reconstruir o caminho das vitórias com um nível de tênis mais competitivo. A confirmação deste novo momento veio com o título sobre Daniel Dutra  Silva, parciais de 6/4 6/3.

Ao erguer o troféu de campeão no Clube Curitibano, o gaúcho quebrou uma série invicta de 9 jogos de Dutra da Silva e encerrou a a sua participação sem sequer perder um set. O título do Brasil Tennis Classic premia Gutierrez com R$ 7 mil, além de 200 pontos no ranking da CBT, enquanto Danielzinho recebe R$ 3.400 e soma 100 na lista nacional.

“Feliz pela conquista, principalmente por estar cada vez mais me sentindo melhor em quadra. Hoje foi ainda melhor do que na semifinal, me mantive confiante e firme dentro de quadra. Eu sabia que dificilmente perderia este título, embora o Daniel seja um jogador experiente e que exija sempre o melhor dos adversários. Saio com a sensação de que a semana foi bastante produtiva e espero seguir com todos estes sentimentos positivos em Brasília”, explica Gutierrez.

CAMPANHA – Oscar Gutierrez

Primeira Rodada: Gabriel Tumasonis – 6/3 6/2

Oitavas de Final: Pedro Boscardin – 6/2 6/1

Quartas de Final: Enrique Bogo – 6/2 6/1

Semifinal: João Pedro Sorgi – 7/5 6/2

Final: Daniel Dutra da Silva – 6/4 6/3

 

Foto = Fotojump

Bruno Soares e Mate Pavic vão à final em Roland Garros

Bruno Soares e Mate Pavic estão em mais uma final de Grand Slam, a segunda seguida. A dupla, que foi campeã no US Open, derrotou os colombianos Juan Sebastián Cabal e Robert Farah por 7/6 (4) 7/5 para avançar à decisão de Roland Garros. Esta é a primeira final de Soares no torneio francês e será a sua 5a final de Grand Slam de duplas, além de outras três de duplas mistas.

“Foi mais um grande jogo aqui, extremamente feliz com mais uma final de Grand Slam. Nós estamos jogando com uma energia e uma convicção muito alta nos momentos de dificuldade, acho que ajuda muito. Foi uma chave pedreira, contra a dupla número 1 de 2019, cabeças de chave 1, que estavam jogando muito bem e conseguimos segurar a onda. Quando nós estamos jogando bem temos condição de ganhar de qualquer dupla, e hoje foi mais uma grande vitória contra um grande time”, disse o mineiro, contente com o momento da dupla.

“É a minha primeira final aqui em Roland Garros, depois de duas semifinais. Os Grand Slams são os torneios que queremos estar, os jogos que queremos disputar e os troféus que queremos conquistar. Agora é focar todas as forças e energia para o último jogo, buscando as inspirações do nosso Guga para buscar esse caneco no sábado”, finalizou Bruno.

Na decisão, a dupla disputará o troféu com os atuais campeões de Roland Garros, os alemães Kevin Krawietz e Andreas Mies. Para chegar em mais uma final em Paris, o time alemão derrotou Wesley Koolhof e Nikola Mektic, dupla que enfrentou Pavic/Soares na decisão do US Open.

Bruno Soares, que vai em busca do 34º título de sua carreira, disputará a sua quinta decisão de Grand Slam nas duplas masculinas. Além do título recente em Nova York, o mineiro também foi campeão do Australian Open e do US Open em 2016, com Jamie Murray. Foi também no US Open que Bruno ficou com um vice-campeonato, em 2013, ao lado de Alexander Peya. Além dos títulos de duplas ele tem três títulos de duplas mistas em Grand Slams, um no Australian Open e dois no US Open.

 

Rio Open e Roland Garros anunciam parceria

O Rio Open apresentado pela Claro é o mais novo parceiro de Roland Garros, o prestigiado Grand Slam francês e mais importante torneio de tênis disputado no saibro do mundo. A iniciativa Roland Garros Pro Series, desenvolvida pela Federação Francesa de Tênis, visa promover o esporte no saibro e, para isso, se aliou com torneios disputados na mesma superfície em todo o mundo.

O maior torneio de tênis da América do Sul é um dos primeiros a se associar ao tradicional campeonato parisiense. Somando ao Rio Open, o ATP 500 de Barcelona, os ATPs 250 de Buenos Aires e Lyon, e o WTA International de Estrasburgo também se uniram a Roland Garros em busca da promoção desta superfície tão importante para a história do tênis. Além de estabelecer novas amizades com diversos parceiros internacionais, os torneios poderão colaborar na criação de conteúdos exclusivos e também na organização de eventos conjuntos.

“Com a Roland-Garros Pro Series, a FFT atingiu um novo marco na promoção do tênis jogado no saibro. Com 165 clubes de tênis amador afiliados à FFT na França, agora estamos estreitando laços com o tênis profissional. Estamos cumprindo nosso papel de campeonato mundial de saibro”, explicou Bernard Giudicelli, presidente da FFT.

“A celebração dessa parceria de Roland Garros com o Rio Open é motivo de muito orgulho para todos nós.  É mais um marco importante na nossa trajetória. Roland Garros sempre foi uma referência. Vejo essa parceria como mais uma oportunidade de evolução, de aprimoramento para que possamos fazer um Rio Open cada vez melhor.” disse Marcia Casz, diretora geral do Rio Open.
Luiz Carvalho, diretor do Rio Open, complementou: “Essa é uma parceria que só vem reforçar a relevância do Rio Open no calendário mundial. Anos após anos a gente traz alguns dos melhores jogadores de saibro do mundo e que sempre acabam culminando com bons resultados em Paris. Vamos juntos trocar know how, melhores práticas e projetos que engrandeçam ambos os eventos. É uma honra estar ao lado de Roland Garros.”
A grande identificação do fã de tênis no Brasil com o saibro é fruto do tricampeonato de Gustavo Kuerten no Grand Slam francês. Ícone do esporte no país, Guga foi o responsável por marcar o nome Roland Garros na memória dos brasileiros. Hoje, Kuerten, amante da bolinha amarela, também é sinônimo de Rio Open, estando presente em todas as edições do torneio carioca.

“A quadra de saibro é sobre emoções, grandes batalhas e o poder de superar obstáculos cercados por crenças, esperanças e paixão. É por isso que adoro o jogo, especialmente em Roland Garros. É por isso que apoio a parceria ‘Roland-Garros Pro Series’ entre Roland Garros e torneios de saibro ATP e WTA. Todos esses esforços são importantes para compartilhar experiências entre os grandes torneios que inspiram as pessoas em todo o mundo”, explicou Guga.

Esta é mais uma das iniciativas que a federação francesa promove mundialmente. Além da Roland Garros Pro Series, a FFT também conta com outras, como o Club Roland Garros, certificação oficial dada aos clubes parceiros que permite um intercâmbio entre técnicos, e o Roland Garros Junior Wild Card Series, seletiva que premia o vencedor com um convite na chave juvenil do Grand Slam francês, todas presentes no Brasil.

Diana Gabanyi

Divulgação FFT

Jorge Paulo Lemann e atletas se reúnem em evento de lançamento de Instituto Rede Tênis Brasil

Atletas e empresários participam do lançamento do Instituto Rede Tênis Brasil, uma iniciativa do Instituto Tênis e Tennis Route, com apoio institucional do LIDE – Grupo de Líderes Empresariais, na próxima quarta-feira (7), às 18h. O evento será remoto e também visa arrecadar fundos para a inserção de crianças e jovens no esporte.

Instituto Rede Tênis Brasil é uma organização sem fins lucrativos, com gestão moderna aplicada aos negócios, que tem a proposta de utilizar o esporte como meio de transformação social. A meta é leva-lo a 400 mil crianças e jovens em 10 anos, em todo o Brasil, com aulas gratuitas, beneficiando ainda a formação educacional, pela inclusão digital, reforço e outras atividades.

O lançamento será realizado de maneira virtual em virtude da Covid-19, o novo coronavírus, em medida alinhada às recomendações do Ministério da Saúde e da Organização Mundial da Saúde (OMS) e visa apresentar ao segmento esportivo e empresarial a n ova iniciativa. A apresentação será feita pela jornalista Glaucia Santiago, dos canais ESPN.
São diversas maneiras de apoio com contrapartidas, já disponíveis por meio virtual (http://d.brbid.com/redetenisbrasil). Há ainda um leilão de colecionáveis (raquetes de Guga, Federer e Thiago Wild), além de experiências, como jogo de duplas com grandes empresários. Os lances estão disponíveis no site, e o arremate será ao vivo na transmissão. O valor arrecadado será todo revertido ao projeto.

“Esta rede ganha uma nova rota. A partir de um bloco unificado de empresários, profissionais e apoiadores que sempre acreditaram no poder transformador e inclusivo do esporte. Contamos histórias, democratizamos o setor e desenvolvemos trajetórias de sucesso e superação”, antecipa o CEO do IRTB, Raphael Barone.

Lançamento
A programação do evento tem presença confirmada dos fundadores do Instituto Rede Tênis Brasil, Milton Seligman, Fernando Gentil, Rogério Melzi, Hugo Scott, Luiz Gustavo Mariano, Marcos Antônio Magalhães e Nelson Sirotsky, além do CEO da entidade, Raphael Barone, que se reúnem com o empresário Jorge Paulo Lemann para falar sobre o projeto.
Também participam do lançamento do instituto os empresários Stephane Engelhard, Marco Faria, e de atletas renomados, como Lars Grael (presidente do LIDE Esporte), Hortência Marcari, Fabiano de Paula, Luiz Mattar, e do técnico da seleção brasileira de voleibol feminino, José Roberto Guimarães.

Programação
18h – Abertura do evento
18h10 – Painel “O projeto”
18h35 – Leilão beneficente
18h50 – Painel “Meios para incentivar o esporte”
19h05 – Leilão beneficente
19h10 – Painel “Match point com Jorge Paulo Lemann”
20h10 – Arremate do leilão beneficente
20h30 – Encerramento

Serviço
Evento: Lançamento do Instituto Rede Tênis Brasil
Quando: 7 de outubro (quarta-feira), das 18h às 20h30
Onde: na internet, ao vivo, em www.lider.inc/aovivo

Bruno Soares chega à 500a vitória na carreira e avança, com Pavic, à semi em Paris

O dia foi de alegria para Bruno Soares. Nesta segunda-feira, os campeões do US Open, o mineiro e o croata Mate Pavic viraram a partida contra o norte-americano Rajeev Ram e o britânico Joe Salisbury, cabeças de chave 3 e campeões do Australian Open, com parciais de 4/6 6/4 7/5, para alcançar as semifinais de Roland Garros. O resultado também marcou 500 vitórias na carreira do brasileiro.

“Foi mais um jogaço, no detalhe. Poderia ter caído pra qualquer lado. O Ram e o Salisbury são a dupla número 1 da temporada, estão com muita confiança e estavam jogando muito bem antes da pausa, então estou muito feliz com o resultado e com a nossa performance”, disse Bruno, satisfeito com a partida diante do time que lidera o ranking da temporada. Na próxima rodada, a dupla enfrentará os vencedores do duelo dos colombianos Juan Sebastian Cabal e Robert Farah, cabeças de chave 1, contra o time formado pelo dinamarquês Frederik Nielsen e o alemão Tim Puetz.

A única chance de quebra que a dupla teve no último set veio de um ponto espetacular de Bruno, dando o match point para a dupla. “Esse ponto foi loucura. Quando o Salisbury fez aquele voleio espetacular e a bola foi naquela direção, pensei comigo: ‘A única chance que eu tenho de ganhar o ponto é fazendo uma bola mais espetacular ainda’. E foi o que aconteceu, tive a sorte de pegar no momento certo, sem encostar na cadeira do juiz e bem baixinha pra dar o match point e uma chance de a gente fechar o jogo, o que aconteceu”, continuou.

Esta é a 13ª participação do mineiro no Grand Slam francês, repetindo as campanhas de 2008 (com Dusan Vemic) e 2013 (Alexander Peya) e igualando o seu melhor resultado no torneio. “Estou muito contente por estar em mais uma semifinal de Grand Slam, e depois de 7 anos aqui em Roland Garros. É continuar surfando nessa onda. Assim como a última partida, hoje foi o tipo de jogo que você ganha quando você está num momento de muita confiança e que você sente que as coisas vão acontecer a seu favor. O importante é seguir acreditando e aproveitar este momento. Jogo a jogo, sabemos que estamos cada vez mais perto do objetivo final”, falou o brasileiro, enfatizando o bom momento da dupla.

Além da classificação para a semifinal, Bruno, que disputa torneios do nível ATP desde 2008, também atingiu 500 vitórias na carreira hoje. O brasileiro tem 33 títulos, incluindo três Grand Slams. Além do mais recente, no US Open, Soares foi campeão do Australian Open e do US Open em 2016, ao lado de Jamie Murray. “É um número surreal, pra ser sincero. Nunca esperava atingir um número assim na minha carreira. Sou extremamente grato por tudo que conquistei, é um momento pra comemorar e agradecer a todos os parceiros que me carregaram nestes anos”, finalizou Bruno.

Diana Gabanyi

Foto: ATP

 

Bruno Soares e Pavic vão às 4as em Roland Garros

O tenista brasileiro Bruno Soares e o croata Mate Pavic estão nas quartas-de-final de Roland Garros. Neste domingo, os campeões do US Open venceram a dupla de Jean Julien Rojer e Horia Tecau, por 7/5 1/6 6/3 e voltam a jogar já nesta segunda, para avançar à semi do Grand Slam francês, contra os campeões do Australian Open, Rajeev Ram e Joe Salisbury.

“Foi um jogo bem duro hoje. Não só pelos adversários, mas pelas condições também do torneio. O primeiro set ganhamos na raça, na pressão. Eles começaram a jogar muito bem no segundo, até a quebra na frente no 3o. set. Foi quando conseguimos trazer aquela confiança e manter o nosso bom momento, ganhando o jogo,” contou o mineiro. “Estou super feliz com a vitória e mais uma quartas-de-final aqui em Roland Garros. Amanhã temos outro jogo duro contra uma dupla que ganhou o Australian Open e vem jogando bem na retomada circuito.”

Campeões do US Open há poucas semanas, Bruno quer se manter focado, de olho no título francês mais adiante. “Todo torneio que a gente vem jogar, acredita que pode ganhar. Sempre dá para pensar em título e está sempre na cabeça, mas não dá pra pensar nisso. Temos que ir jogo a jogo e passo a passo.”

Bruno está disputando a sua 13ª edição de Roland Garros, em busca de um título inédito em sua carreira. O brasileiro foi semifinalista em Paris em duas ocasiões, 2008 (com Dusan Vemic) e 2013 (Alexander Peya).

Diana Gabanyi

Foto ATP