Bia Haddad e Luisa Stefani perdem nas quartas de duplas do WTA de Praga

A dupla brasileira formada pelas paulistas Bia Haddad e Luisa Stefani encerrou, nesta quarta-feira, sua participação no WTA de Praga.

Bia e Luisa, que jogaram pela primeira vez juntas no circuito profissional, foram superadas nas quartas de final pela dupla principal favorita ao título, formada pela Kveta Peschke e a norte-americana Nicole Melichar, mas venderam caro a derrota, por 5/7 6/4 10-5, em 1h24min de partida.

Na estreia, a parceria nacional havia derrotado a sueca Cornelia Lister e a tcheca Renata Voracova, por 6/1 7/5.

Bia continua na Europa se preparando para o próximo torneio, o WTA Premier de Madri, na Espanha.

Bia Haddad para no quali do WTA de Praga, mas ainda joga duplas ao lado de Luisa Stefani

A tenista paulista Bia Haddad foi superada, neste domingo, pela suíça Jil Teichmann, por duplo 6/2, pela segunda rodada do qualifying do WTA de Praga.

“Hoje ela foi muito sólida do que eu”, afirmou Bia, que já tinha vencido a suíça em outras duas oportunidades. “Tive muito erros não-forçados e não aproveitei as chances que eu tinha. Ela foi se soltando e crescendo na partida. Saquei um pouco abaixo do que eu estava sacando ontem também e isso acabou fazendo com que o resultado não fosse positivo”, explicou a tenista número 1 do Brasil.

Em compensação, Bia recebeu uma boa notícia neste domingo. Ela e a paulista Luisa Stefani entraram na chave duplas e vão estrear contra a sueca Cornelia Lister e a tcheca Renata Voracova. “Eu e a Luisa ficamos muito felizes”, finalizou.

Bia Haddad estreia com vitória no quali do WTA de Praga e enfrenta suíça na 2ª rodada

Neste sábado, a tenista paulista Bia Haddad estreou com vitória no qualifying do WTA de Praga, na República Tcheca.

Cabeça de chave 4, Bia bateu, neste sábado, a tenista local Barbora Stefkova, 238o do mundo, por 6/4 6/2, e avançou na qualificatório do torneio tcheco, disputado no saibro.

“Saquei muito acima do que eu vinha sacando, não dei uma dupla-falta, muito primeiro saque. Consegui jogar bem com meu forehand e usei bastante as paralelas. Foi muito bom”, avaliou Bia.

Na próxima rodada, neste domingo, Bia terá pela frente a suíça Jil Teichmann, que venceu na estreia a búlgara Viktorya Tomova, por 6/4 7/6(2).

No retrospecto entre as duas, Bia tem a vantagem de 2 vitórias contra uma da búlgara. As duas aconteceram em 2017, na final do Challenger de Cagnes-Sur-Mer e na terceira rodada de Roland Garros.

“Já joguei contra ela em momentos difíceis, na final de um challenger de US$ 100 mil (Cagnes-Sur-Mer) e em Roland Garros. Ela gosta bastante de jogar no saibro, mas confio bastante em mim. Estou jogando bem, vindo de boas semanas e vamos que vamos”, afirmou a tenista número 1 do Brasil e 124o do ranking que ainda precisa de mais duas vitórias para entrar na chave principal do WTA de Praga.

Bia Haddad perde na estreia do WTA de Praga e segue para o quali do Premier de Madri

A paulista Bia Haddad foi superada, nesta terça-feira, pela romena Mihaela Buzarnescu, 37o. do mundo, por 6/1 7/5, na estreia do WTA de Praga, na República Tcheca, que é disputado no saibro.

Esse foi o primeiro de torneio de Bia após a lesão no punho esquerdo sofrida há um mês durante o WTA de Chalerston.

A tenista número 1 do Brasil, que defendia quartas de final do ano passado no torneio tcheco, segue na Europa para dar sequência à gira europeia de saibro e disputa agora os qualifyings do WTA Premier de Madri e Roma, antes de Roland Garros.

Bia perde para Pliskova nas quartas do WTA de Praga, mas chega ao melhor ranking

Bia Haddad - Praga 2 peqApós cinco vitórias consecutivas, Bia Haddad encerrou nesta quinta-feira sua participação no WTA de Praga, na República Tcheca, que é disputado no saibro.

Bia foi superada, nas quartas de final, pela tcheca Kristina Pliskova, 58o. do mundo, por 6/7(5) 6/4 6/2, em 2h03min de partida. Antes havia vencido as três rodadas do qualifying e mais duas na chave principal.

Com a boa campanha em Praga, Bia, que atualmente ocupa a 144a. posição do ranking mundial, deverá aparecer entre as 120 melhores do mundo, superando assim seu melhor ranking da carreira (144o.).

“Nunca é legal perder, mas fiz uma ótima semana aqui em Praga. Mantive um bom padrão de jogo, fui sólida, confiante e evoluindo a cada partida. Seguimos firmes para os próximos torneios”, afirmou a tenista número 1 do Brasil.

Bia Haddad vence bem a top-20 Stosur e vai às quartas do WTA de Praga

Bia Haddad - Praga 3 peqBia Haddad confirmou a boa fase e conquistou, nesta quarta-feira, a maior vitória da carreira.

A tenista número 1 do Brasil pela experiente australiana Samantha Stosur, 19o. do mundo, por 6/3 6/2, em 1h18min de partida, e se garantiu nas quartas de final do WTA de Praga.

“Estou muito, muito feliz”, comemorou Bia logo ao final da partida. “Joguei muito sólida e tranquila, buscando ponto a ponto. Não deixei ela (Stosur) jogar”, completou a brasileira.

Bia vem fazendo uma ótima campanha em Praga. No qualifying passou por duas top 100 – Ekateina Alexandrova e Donna Vekic. Na rodada de estreia venceu uma top 50, Christina McHale, e agora a top 20 Samantha Stosur.

“Tudo isso é resultado do trabalho do dia a dia. Venho evoluindo a cada jogo, a cada semana…”, disse Bia, que pelas quartas de final, enfrenta a tcheca Kristina Pliskova, 58o., que nem precisou entrar em quadra nas oitavas por causa do wo da tcheca Lucie Safarova, atual campeã do torneio.

Bia Haddad bate top-50 McHale e encara Stsour nas oitavas do WTA de Praga

Bia Haddad - Praga 2 peqDepois de furar o qualifying, Bia Haddad estreou com uma boa vitória no WTA de Praga, na República Tcheca, que é disputado no saibro.

Nesta terça-feira, Bia bateu a norte-americana Christina McHale, 45o. do mundo, por 6/3 6/4, em 1h30min de partida, e avançou às oitavas de final de torneio.

“Foi uma boa estreia. Consegui jogar sólida, cumpri os objetivos que havia traçado com o German (Gaich, técnico) para o jogo e acabou dando tudo certo”, afirmou a tenista número 1 do Brasil e 144o. do mundo.

Na próxima rodada, Bia terá mais um desafio. Ela enfrenta a australiana Samantha Stosur, cabeça de chave 4 e 19o. do mundo, que venceu na estreia a russa Evgeniya Rodina, por 6/2 6/3.

“Jogo duro também, a menina já ganhou até Grand Slam (US Open 2010). Vou ter que manter o meu padrão, jogar firme e sólida”, analisou Bia.

Bia Haddad vira sobre croata, fura o quali e estreia nesta 3ª no WTA de Praga

Bia Haddad - Praga peqApós três vitórias no qualifying, Bia Haddad está garantida na chave principal do WTA de Praga, na República Tcheca, que é disputada no saibro.

A tenista número 1 do Brasil e 144o. do mundo garantiu a vaga, nesta segunda-feira, ao vencer de virada a croata Donna Vekic, cabeça de chave 4, por 4/6 6/4 6/3, após 2h07min, pela última rodada do quali.

“Foram três jogos duros no quali, fui melhorando aos poucos em cada um. Estou feliz com o meu desempenho. Agora é seguir firme na mesma pegada”, afirmou a brasileira.

Bia faz sua estreia na chave do WTA de Praga, nesta terça-feira, às 6h (horário de Brasília), diante da norte-americana Christina McHale, 45o. do mundo.

Bia Haddad está na final do quali do WTA de Praga. Teliana perde no Marrocos

Bia Haddad - Bogotá peqBia Haddad está na rodada final do qualifying do WTA de Praga, na República Tcheca, que é disputado no saibro.

Neste domingo, a brasileira bateu a eslovaca Rebecca Sramkova em sets diretos, com parciais de 6/4 e 6/0. Neste segunda, sua adversária por vaga na chave principal será a croata Donna Vekic, nº 84 do mundo, em confronto que será inédito.

Teliana Pereira perdeu na segunda rodada do quali do WTA de Rabat, no Marrocos, perdendo neste domingo para  a argentina Nadia Podoroska, com parciais de 6/3 e 6/0.