Bia Haddad perde na estreia do ITF de Las Vegas e encerra a temporada

A tenista paulista Bia Haddad encerrou na noite desta quarta-feira sua participação no ITF US$ 80 mil de Las Vegas ao ser superada em simples e duplas.

Na chave de simples, Bia foi derrotada pela paraguaia Veronica Cepede Royg, cabeça de chave 7 e 146o. do mundo, por 7/5 6/3. Mais tarde, nas duplas, ela e a húngara Fanni Stollar não passaram pelas norte-americanas Lauren Davis e Julia Elbaba, que venceram por 7/5 6/4.

Este foi o último torneio da temporada da tenista número 1 do Brasil.

Embalada por boa campanha, Bia Haddad estreia nesta 4ª feira no ITF de Las Vegas

Embalada pelo vice-campeonato no ITF US$ 80 mil de Tyler, neste final de temporada, a tenista paulista Bia Haddad faz sua estreia, nesta quarta-feira, no ITF US$ 80 mil de Las Vegas.

Bia enfrenta a paraguaia Veronica Cepede Royg, cabeça de chave 7 e 146o. do mundo. Esse será o quinto confronto entre as duas. A adversária paraguaia leva vantagem no retrospecto com três vitórias. “Nos conhecemos há bastante tempo. Vou entrar em quadra e fazer o meu melhor”, afirmou a tenista número 1 do Brasil.

A brasileira também joga duplas nesta quarta-feira em parceria com a húngara Fanni Stollar. Elas estreiam contra as norte-americanas Lauren Davis e Julia Elbaba.

O vice-campeonato de Tyler, no último domingo, rendeu à Bia 51 posições no ranking da WTA, que assumiu a 184a. colocação. “O ranking é consequência do trabalho. Foi muito especial reencontrar o caminho da vitória. Primeiro, eu fiquei quase três meses fora das quadras me recuperando da cirurgia nas costas. Depois eu vinha de seis primeiras rodadas… Mas nunca deixei de acreditar, sigo dando o meu melhor todos os dias, trabalhando duro para que os resultados aconteçam”, concluiu.

Bia Haddad fica com o vice do ITF de Tyler e deve subir mais de 50 posições no ranking

A tenista paulista Bia Haddad foi vice-campeã do ITF US$ 80 mil de Tyler, neste domingo, ao ser superada pela norte-americana Whitney Osuigwe, por 6/3 6/4.

“Eu já esperava por um jogo difícil. Apesar da idade (16 anos), ela joga muito bem. Treinamos juntas durante as semanas que estive na IMG Tennis Academy, então já nos conhecíamos bem”, observou Bia.

“Hoje não consegui jogar como nas últimas partidas, mas foi uma semana muito especial aqui, incrível mesmo, principalmente pelo que passei nos últimos meses. Estar 100% saudável sempre será o meu objetivo. Venho melhorando em quadra e só quero continuar fazendo o meu melhor todos os dias e ver onde posso chegar”, afirmou a tenista número 1 do Brasil e 235o. do mundo.

Pela campanha em Tyler, Bia deverá subir 52 posições no ranking da WTA, que será divulgado nesta segunda-feira, e aparecer na 184a. posição.

Bia joga esta semana o ITF US$ 80 mil de Las Vegas.

Bia Haddad bate norte-americana Chirico e encara búlgara nas quartas do ITF de Tyler

A tenista paulista Bia Haddad alcançou nesta quinta-feira as quartas de final do ITF US$ 80 mil de Tyler. Pelas oitavas de final, Bia derrotou a norte-americana Louisa Chirico, 482o. do mundo, por 7/6(3) 6/4, em 1h51min de partida.

“Paciência foi a chave para a vitória hoje. Alguns erros que cometi contra ela, na semana passada, dessa vez não se repetiram. Tive tranquilidade para construir os pontos e vencer”, afirmou a brasileira, que no ITF de Macon, semana passada, havia sido superada pela norte-americana.

A tenista número 1 do Brasil e 235o. do mundo terá pela frente nas quartas de final a búlgara Sesil Karatantcheva. As duas já se enfrentaram uma vez, no ITF de Stockton, neste ano, quando a brasileira desistiu por lesão antes do início do 3º set.

Bia Haddad estreia com vitória de virada no ITF de Tyler, nos Estados Unidos

A tenista paulista Bia Haddad estreou com vitória, nesta terça-feira, no ITF US$ 80 mil de Tyler. Bia venceu a norte-americana Gail Brodsky, 281o. do mundo, de virada, por 1/6 7/5 6/3, após 2h01min de partida, e avançou às oitavas de final.

“As condições estavam muito duras para as duas, ventando muito”, comentou Bia. “A menina (Brodsky) jogou muito sólida, quase não errou no primeiro set. Então, para ter alguma chance de virar o jogo, eu sabia que teria que competir o melhor que podia e jogar cada ponto. Durante o jogo fui me sentindo melhor, mais tranquila, a bola foi entrando no jogo e consegui sair com a vitória”, afirmou a brasileira.

A tenista número 1 do Brasil e 235o. do mundo aguarda a adversária da próxima rodada, que sairá do confronto entre as norte-americanas Louisa Chirico, convidada da organização, e Jessica Pegula, quarta favorita ao título. Bia enfrentou Chirico e perdeu, na semana passada, em Macon. Já o duelo contra Pegula seria inédito.

Bia e a paulista Paula Gonçalves voltam à quadra ainda nesta terça para a estreia na chave de duplas. Elas encaram as norte-americanas Kristie Ahn e Madison Westby.

Bia Haddad perde na estreia de simples e busca vaga na semi de duplas do ITF de Macon

A tenista paulista Bia Haddad Maia foi eliminada, nesta quarta-feira, na estreia do ITF US$ 80 mil de Macon, nos Estados Unidos, que é disputado no piso duro.

A brasileira foi superada pela norte-americana Louisa Chirico, por 7/6(4) 6/4, após 1h47min de partida.

Bia ainda segue na chave de duplas ao lado da paulista Paula Gonçalves. A dupla brasileira busca vaga, nesta quinta-feira, nas semifinais. Pelas quartas de final, elas enfrentam a parceria formada por Beatrice Gumulya (Indonésia) e Ana Veselinovic (Montenegro).

Bia Haddad enfrenta conhecida norte-americana na estreia do ITF de Waco, nesta 4ª feira

A tenista paulista Beatriz Haddad Maia faz sua estreia, nesta quarta-feira, no ITF US$ 80 mil de Macon, diante da norte-americana Louisa Chirico, vinda do qualifying e atual 559o. do mundo.

As duas se conhecem desde o juvenil, quando se enfrentaram em duas oportunidades: na Copa Gerdau em 2013, vencida por Bia, e no Banana Bowl 2012, vencida por Chirico.

Bia disputa o torneio de Macon após duas semanas de treinamento intensivo na IMG Academy, na Flórida. “Foram dias excelentes, onde pude jogar muitos sets com meninas diferentes, inclusive algumas estão jogando aqui. Essas duas semanas de treinamento serão muito importantes para essa reta final da temporada”, afirmou a tenista número 1 do Brasil e 232o. do mundo.

Nas duplas, Bia e a paulista Paula Gonçalves estrearam com vitória nesta terça-feira. Elas venceram a norueguesa Ulrikke Eikeri e a mexicana Ana Sofia Sanchez, por 6/4 7/5. Nas quartas de final, a dupla brasileira terá pela frente a parceria formada por Beatrice Gumulya (Indonésia) e Ana Veselinovic (Montenegro).

Bia perde nas chaves de simples e duplas do ITF de Templeton e segue nos Estados Unidos

A tenista paulista Bia Haddad Maia não conseguiu avançar no ITF US$ 60 mil de Templeton, na Califórnia.

Nesta terça-feira, pela chave de simples, Bia foi superada pela canadense Katherine Sebov por duplo 6/2. Depois, nas duplas, a brasileira e a argentina Nadia Podoroska foram derrotadas pela parceria formada pela indonésia Jessy Rompies e a sul-africana Chanel Simmonds, por 3/6 6/4 10-4.

Bia continua nos Estados Unidos. Na semana que vem ela disputa o ITF US$ 60 mil de Stockton (1 de outubro).

Bia Haddad estreia em simples e duplas nesta terça em Templeton

A tenista paulista Bia Haddad faz sua estreia em simples e duplas, nesta terça-feira, no ITF US$ 60 mil de Templeton, na Califórnia.

Designada como cabeça de chave 3 do torneio norte-americano, Bia enfrenta na primeira rodada, não antes das 16h30 (horário de Brasília), a canadense Katherine Sebov, 272o. do mundo. O confronto é inédito.

“Coincidentemente treinamos duas horas hoje. Foi duríssimo, estava 4/4 e tivemos que parar porque tinha dado o horário da quadra”, contou a tenista número 1 do Brasil e 187o. do mundo.

“Ela é uma menina nova (19 anos), acostumada a esse piso. Vou seguir meu plano, fazendo as coisas que venho buscando com o German (Gaich, técnico), jogar mais sólida e com agressividade. As condições aqui são boas, um pouco mais seco em relação aos últimos torneios que joguei. Estou animada e preparada”, completou.

Mais tarde, Bia e a argentina Nadia Podoroska estreiam na chave de duplas diante da parceria formada pela indonésia Jessy Rompies e a sul-africana Chanel Simmonds.

Bia Haddad perde para canadense na segunda rodada do quali do US Open

A paulista Bia Haddad encerrou nesta quinta-feira sua participação no qualifying do US Open, quarto e último Grand Slam da temporada.

Depois de estrear com vitória no qualificatório norte-americano, a tenista número 1 do Brasil e 132o. do mundo foi superada pela canadense Francoise Abanda, por 7/6(3) 6/3, em partida válida pela segunda rodada.

Bia, que jogou em Nova York seu segundo torneio depois da cirurgia nas costas, continua nos Estados Unidos. Ela joga no início de setembro o ITF US$ 125 mil de Chicago e depois vai ao Canadá disputar o WTA de Quebec (10 de setembro).