Monteiro e Clezar vencem na estreia do quali do US Open. Rogerinho é eliminado

O tenista brasileiro Thiago Monteiro estreou com vitória no qualifying do US Open, o último Grand Slam do ano que está sendo disputado em Nova York.

Atual 119o. colocado no ranking mundial, ele derrotou o japonês Tatsuma Ito (165o.), por 7/5 6/7(5) 6/2 e volta a jogar nesta quinta-feira contra o francês Calvin Hemery, 189o. na ATP.

O cearense, que está jogando o Grand Slam americano pela 3a vez na carreira, tendo disputado o qualifying em 2016, sem avançar e perdido na primeira rodada da chave no ano passado, já sabe o que esperar do confronto com Hemery. “O jogo de hoje, contra o Ito, me deu confiança para enfrentar o Hemery. Eu já tinha um adversário difícil hoje e consegui me manter firme mentalmente para conquistar a vitória, depois de ter perdido o segundo set. Foi muito importante. Contra o Hemery, que é um cara perigoso e que saca muito bem, indo para as bolas e jogando bem solto quando está na frente, vai ser importante aproveitar as oportunidades quando aparecerem e ser agressivo. Estou confiante e espero conquistar mais uma vitória para passar para a última rodada do quali.”

Quem também estreou com vitória foi Guilherme Clezar, que passou pelo espanhol Ricardo Oeda Lara em sets diretos, com parciais de 6/4 e 6/3.

Na segunda rodada, o brasileiro terá pela frente o italiano Lorenzo Sonego, que venceu Rogério Dutra Silva, o Rogerinho, de virada, com parciais de 4/6 6/3 e 7/6(6).