Muruguza, Sabalenka e Gauff jogam no 1º dia do US Open. Stephens e Keys reeditam final de 2017

Começa nesta segunda-feira chave principal do US Open, quarto e último Grand Slam da temporada, disputado no piso duro de Nova York, nos Estados Unidos.

Logo no jogo de abertura do Arthur Ashe Stadium, principal quadra do complexo, um confronto entre duas tenistas da casa e reeditando uma final. Sloane Stephens, campeã do torneio em 2017, terá pela frente Madison Keys, que foi a vice campeã naquele ano.

Na rodada noturna será a vez da japonesa Naomi Osaka, bicampeã do torneio, fazer sua estreia contra a tcheca Marie Bouzkova.

Vale destacar também a partida entre a espanhola Garbine Muguruza, cabeça de chave nº 9, e a croata Donna Vekic, assim como a jovem Coco Gauff entrando em quadra diante da polonesa Magda Linette. Seguda favorita da chave, a bielorrussa Aryna Sabalenka também joga no primeiro dia, enfrentando a sérvia Nina Stojanovic. Essas três partidas no Louis Armstrong.

Para conferir a programação completa, clique aqui.

Foto: Pete Staples/USTA

Osaka entra em quadra na noite de domingo em busca de vaga nas oitavas dos Jogos de Tóquio. Sabalenka joga na madrugada

Começa na noite deste domingo, no horário de Brasília, a segunda rodada da chave feminina dos Jogos Olímpicos de Tóquio, no Japão, competição disputada no piso duro.

Principal estrela do torneio e uma das principais de todos os jogos, a tenista da casa Naomi Osaka terá pela frente a suíça Viktorija Golubic, atual número 50 do mundo, em confronto que será inédito.

Depois da eliminação da australiana Ashleigh Barty na estreia, a japonesa, número 2 do mundo, é a principal cabeça de chave do torneio.

A terceira favorita da chave e número 3 do mundo é a bielorrussa Aryna Sabalenka, que terá que superar um retrospecto desfavorável diante da croata Donna Vekic, que venceu três dos quatro confrontos anteriores entre elas.

Vale destacar também a partida da espanhola Garbine Muguruza contra a chinesa Qiang Zhang, que tem 2×0 no confronto direto, além do jogo da campeã de Roland Garros, a tcheca Barbora Krejcikova contra a canadense Annie Leylah Fernandez.

Foto: AFP

Kerber encara Barty em uma das semis de Wimbledon, nesta 5ª feira. Pliskova enfrenta Sabalenka

Estão marcadas para esta quinta-feira as duas semifinais da chave feminina de Wimbledon, terceiro Grand Slam da temporada, disputado na grama de Londres, na Inglaterra.

Depois de uma boa vitória sobre Alja Tomljanovic, a australiana Ashleigh Barty terá um desafio pela frente, já que encara a alemã Angelique Kerber, no que será o 6º jogo entre elas.

No histórico do confronto direto, a alemã lidera por 3×2, sendo esse o primeiro jogo que as duas farão na grama.

A outra semifinal será entre a tcheca Karolina Pliskova e a bielorrussa Aryna Sabalenka, que venceu os dois únicos jogos que as duas fizeram até o momento, sendo um deles na grama de Eastbourne, em 2018.

A primeira partida válida pela semifinal, entre Barty e Kerber, deve começar por volta das 09:30h desta quinta-feira, com o jogo entre Pliskova e Sabalenka sendo disputado na sequência.

Foto: AELTC/David Gray

Serena precisa de 3 sets, mas vai à 3ª rodada em Paris. Sabalenka também vence. Barty joga na 5ª feira

A quarta-feira não foi um dia de grandes surpresas na chave feminina de Roland Garros, segundo Grand Slam da temporada, torneio que é disputado no saibro.

Quem sofreu um pouquinho foi Serena Williams, que precisou de três sets pra passar pela romena Mihaela Buzarnescu, com parciais de 6/3 5/7 e 6/1. Agora, na terceira rodada, a norte-americana encara a compatriota Danielle Collis, que venceu a ucraniana Anhelina Kalinina por 6/0 e 6/2.

Outra favorita que avançou à terceira rodada em Paris foi a bielorrussa Aryna Sabalenka, que anotou 7/5 e 6/3 sobre a compatriota Aliaksandra Sasnovich, marcando um bom confronto de terceira rodada contra a experiente russa Anastasia Pavlyuckenkova.

Victoria Azarenka também venceu, passando pela dinamarquesa Clara Tauson por 7/5 e 6/4. Número 11 do mundo, a suíça Belinda Bencic não apresentou muita resistência e foi superada pela russa Darya Kasatkina por duplo 6/2.

Nesta quinta-feira, completando a segunda rodada, a número 1 do mundo Ashleigh Barty entra em quadra para encarar a polonesa Magda Linette, abrindo a programação da quadra Philipp-Chatrier. Logo depois, no mesmo local, Karolina Pliskova e Sloane Stephens devem fazer um bom jogo, valendo vaga na terceira rodada.

Já na quadra Suzanne-Lenglen, o destaque é para a partida da ucraniana Elina Svitolina, cabeça de chave nº 5, que terá pela frente a norte-americana Ann Li, em confronto que será inédito.

Osaka abre Roland Garros neste domingo. Sabalenka também joga

Começa neste domingo a chave principal de Roland Garros, segundo Grand Slam da temporada, disputado no saibro de Paris, na França.

Atual nº 2 mundo, a japonesa Naomi Osaka vai abrir a programação da Philippe-Chatrier, principal quadra do torneio, em confronto diante da romena Patricia Maria Tig.

Na mesma quadra, um pouco mais quadra, um jogo entre as experientes Victoria Azarenka e Svetlana Kuznetsova, enquanto a quadra Suzanne-Lenglen recebe a nº 3 do mundo, Aryna Sabalenka, que joga contra a qualifier Ana Konjuh.

No mesmo local, destaque para Petra Kvitova, que terá pela frente outra qualifier, a belga Greetje Minnen.

Para conferir a programação completa, clique aqui.

Foto: Andre Ferreira/FFT

Em dia com grandes jogos, Melbourne terá Muguruza x Osaka, Sabalenka x Serena e Swiatek x Halep

O primeiro dia das oitavas de final do Australian Open tem promessa de jogão na chave feminina. Ou melhor, pelo menos três confrontos muito aguardados nesta fase do primeiro Grand Slam da temporada.

Abrindo a programação da Rod Laver Arena, um belo confronto entre a espanhola Garbine Muguruza e a japonesa Naomi Osaka, duas jogadoras que estão em grande forma, nunca se enfrentaram e ainda não perderam sets no torneio.

Depois, na mesma quadra, outro jogo de primeira linha, que será entre a bielorrussa Aryna Sabalenka e a norte-americana Serena Williams. As duas também se enfrentarão pela primeira vez. Enquanto Sabalenka tem 9 vitórias em 10 jogos na temporada, Serena venceu todas as 7 partidas disputadas.

Abrindo a sessão noturna da principal quadra do complexo, a polonesa Iga Swiatek e a romena Simona Halep farão um confronto entre campeãs de Grand Slams.

Na Margaret Court Arena, a experiente taiwanesa Su-wei Hsieh terá pela frente o desafio de encarar a jovem e talentosa Marketa Vondrousova

Andreescu, Serena, Osaka e Sabalenka buscam vaga na 3ª rodada do Australian Open

O 3º dia de jogos da chave feminino do Australian Open vai ser marcado pelo começo da segunda rodada, com algumas favoritas entrando em quadra.

Campeã do US Open em 2019, mas que sofreu na primeira rodada, a jovem Bianca Andreescu, que é a cabeça de chave nº 8 do torneio, terá pela a experiente taiwanesa Su-Wei Hsieh, na abertura da programação da Rod Laver Arena.

Na sequência, Serena Williams tem todo o favoritismo para conseguir mais uma vitória tranquila, dessa vez contra a sérvia Nina Stojanovic, enquanto Naomi Osaka faz o último jogo feminino da principal quadra do complexo contra a francesa Caroline Garcia.

Vale destacar também que logo no primeiro horário de jogos, a bielorrussa Aryna Sabalenka deve fazer um jogo interessante contra a russa Daria Kasatkina.

Outra partida que tem tudo pra ser de qualidade será entre a polonesa Iga Swiatek e a italiana Camila Giorgi, em um confronto entre habilidade e agressividade.

 

 

 

Sharapova elimina Wozniacki e vai às 8ªs do Australian Open. Sabalenka é surpreendida

O 5º dia do Australian Open foi com eliminação de cabeças de chave na terceira rodada, mas uma delas não se pode dizer que foi uma grande surpresa.

Maria Sharapova, ex-nº 1 do mundo e apenas a cabeça de chave nº 30, superou a dinamarquesa Caroline Wozniacki, nº 2 da WTA e atual campeã do torneio, em um bom jogo de três sets, que acabou com parciais de 6/4 4/6 e 6/3 para a russa.

Surpresa mesmo foi a derrota da bielorrussa Aryna Sabalenka, 11ª favorita e que vinha em grande fase, correndo por fora na luta pelo título. A responsável por parar Sabalenka na 3ª rodada foi a norte-americana Amanda Anisimova, que perdeu apenas 5 games pra anotar 6/3 e 6/2.

A experiente Anastasia Pavlyuchenkova anotou 6/0 e 6/3 sobre a bielorrussa Aliaksandra Sasnovich, enquanto a local Ashleigh Barty mantém vivas as esperanças da torcida da casa ao fazer 7/5 e 6/1 sobre a grega Maria Sakkari.

Já na manhã de sexta-feira, horário de Brasília, Petra Kvitova praticamente não deu chances para a suíça Belinda Bencic e fez 6/4 e 6/1.

A terceira rodada será concluída a partir da noite desta sexta-feira, horário de Brasília, com a ucraniana Elina Svitolina abrindo a programação da Rod Laver Arena diante da chinesa Shuai Zhang.

Logo depois, no mesmo local, Serena Williams tem todo favoritismo diante da jovem ucraniana Dayana Yatremska, de apenas 18 anos.

Na Margaret Court, Naomi Osaka joga diante da taiwanesa Su-Wei Hsieh, enquanto Simona Halep deve fazer um bom jogo contra a norte-americana Venus Williams.

Foto: Ben Solomon/Tennis Australia

Stephens, Wozniacki e Sabalenka confirmam o favoritismo na 2ª rodada em Melbourne

Começou no 3º dia de disputa a segunda rodada da chave feminina do Australian Open, primeiro Grand Slam da temporada, disputado no piso duro de Melbourne.

Atual campeã do US Open e cabeça de chave nº 5, a norte-americana Sloane Stephens teve até menos trabalho que o esperado pra vencer a húngara Timea Babos, cedendo apenas 4 games, com parciais de 6/3 e 6/1.

Uma cabeça de chave eliminada foi a belga Kiki Bertens, 9ª favorita, que levou a virada da russa Anastasia Pavlyuchenkova, com parciais de 3/6 6/3 e 6/3, enquanto a local Ashleigh Barty, cabeça 15, passou pela chinesa Yafan Wang por 6/2 e 6/3.

Caroline Wozniacki, atual campeã, foi outra favorita que não teve dificuldade pra passar pela sueca Johanna Larsson por 6/1 e 6/3, assim como a bielorrussa Aryna Sabalenka, que bateu a britânica Katie Boulter por 6/3 e 6/4.

Outra cabeça de chave que perdeu, mas quem nem pode ser chamado de zebra, foi a 20ª, a estoniana Anett Kontaveit, superada pela bielorrussa Aliaksandra Sasnovich por duplo 6/3.

Foto: Ben Solomon/Tennis Australia

Sharapova e Sabalenka passam tranquilamente pela estreia em Melbourne

Logo no início do Australian Open, primeiro Grand Slam da temporada, as principais favoritas que entraram em quadra abrindo a programação não tiveram grandes dificuldades.

Na Rod Laver Arena, Maria Sharapova impôs seu tênis agressivo diante da britânica Harriet Dart, não cedeu um único game e anotou uma clássica bicicleta, 6/0 6/0, garantindo vaga na segunda rodada para encarar a sueca Rebecca Peterson, que anotou 6/4 e 6/1 sobre a romena Sorana Cirstea.

Na quadra 3, Aryna Sabalenka, uma das principais promessas do tênis feminino também garantiu bem sua vaga na segunda rodada, vencendo a russa Anna Kalinskaya por 6/1 e 6/4.

Sua próxima adversária será a vencedora do confronto entre a experiente russa Ekaterina Makarova e a britânica Katie Boulter.