Sharapova elimina Wozniacki e vai às 8ªs do Australian Open. Sabalenka é surpreendida

O 5º dia do Australian Open foi com eliminação de cabeças de chave na terceira rodada, mas uma delas não se pode dizer que foi uma grande surpresa.

Maria Sharapova, ex-nº 1 do mundo e apenas a cabeça de chave nº 30, superou a dinamarquesa Caroline Wozniacki, nº 2 da WTA e atual campeã do torneio, em um bom jogo de três sets, que acabou com parciais de 6/4 4/6 e 6/3 para a russa.

Surpresa mesmo foi a derrota da bielorrussa Aryna Sabalenka, 11ª favorita e que vinha em grande fase, correndo por fora na luta pelo título. A responsável por parar Sabalenka na 3ª rodada foi a norte-americana Amanda Anisimova, que perdeu apenas 5 games pra anotar 6/3 e 6/2.

A experiente Anastasia Pavlyuchenkova anotou 6/0 e 6/3 sobre a bielorrussa Aliaksandra Sasnovich, enquanto a local Ashleigh Barty mantém vivas as esperanças da torcida da casa ao fazer 7/5 e 6/1 sobre a grega Maria Sakkari.

Já na manhã de sexta-feira, horário de Brasília, Petra Kvitova praticamente não deu chances para a suíça Belinda Bencic e fez 6/4 e 6/1.

A terceira rodada será concluída a partir da noite desta sexta-feira, horário de Brasília, com a ucraniana Elina Svitolina abrindo a programação da Rod Laver Arena diante da chinesa Shuai Zhang.

Logo depois, no mesmo local, Serena Williams tem todo favoritismo diante da jovem ucraniana Dayana Yatremska, de apenas 18 anos.

Na Margaret Court, Naomi Osaka joga diante da taiwanesa Su-Wei Hsieh, enquanto Simona Halep deve fazer um bom jogo contra a norte-americana Venus Williams.

Foto: Ben Solomon/Tennis Australia

Stephens, Wozniacki e Sabalenka confirmam o favoritismo na 2ª rodada em Melbourne

Começou no 3º dia de disputa a segunda rodada da chave feminina do Australian Open, primeiro Grand Slam da temporada, disputado no piso duro de Melbourne.

Atual campeã do US Open e cabeça de chave nº 5, a norte-americana Sloane Stephens teve até menos trabalho que o esperado pra vencer a húngara Timea Babos, cedendo apenas 4 games, com parciais de 6/3 e 6/1.

Uma cabeça de chave eliminada foi a belga Kiki Bertens, 9ª favorita, que levou a virada da russa Anastasia Pavlyuchenkova, com parciais de 3/6 6/3 e 6/3, enquanto a local Ashleigh Barty, cabeça 15, passou pela chinesa Yafan Wang por 6/2 e 6/3.

Caroline Wozniacki, atual campeã, foi outra favorita que não teve dificuldade pra passar pela sueca Johanna Larsson por 6/1 e 6/3, assim como a bielorrussa Aryna Sabalenka, que bateu a britânica Katie Boulter por 6/3 e 6/4.

Outra cabeça de chave que perdeu, mas quem nem pode ser chamado de zebra, foi a 20ª, a estoniana Anett Kontaveit, superada pela bielorrussa Aliaksandra Sasnovich por duplo 6/3.

Foto: Ben Solomon/Tennis Australia

Sharapova e Sabalenka passam tranquilamente pela estreia em Melbourne

Logo no início do Australian Open, primeiro Grand Slam da temporada, as principais favoritas que entraram em quadra abrindo a programação não tiveram grandes dificuldades.

Na Rod Laver Arena, Maria Sharapova impôs seu tênis agressivo diante da britânica Harriet Dart, não cedeu um único game e anotou uma clássica bicicleta, 6/0 6/0, garantindo vaga na segunda rodada para encarar a sueca Rebecca Peterson, que anotou 6/4 e 6/1 sobre a romena Sorana Cirstea.

Na quadra 3, Aryna Sabalenka, uma das principais promessas do tênis feminino também garantiu bem sua vaga na segunda rodada, vencendo a russa Anna Kalinskaya por 6/1 e 6/4.

Sua próxima adversária será a vencedora do confronto entre a experiente russa Ekaterina Makarova e a britânica Katie Boulter.