Nadal, Ferrer, Djokovic e Berdych chegam à 3ª rodada em Paris. Kyrgios x Gasquet na sexta

Mais um dia sem surpresas na chave masculina de Roland Garros, na França, segundo Grand Slam da temporada, que é disputado no saibro, nas partidas que definiram os últimos classificados para a terceira rodada.

Nadal, Djokovic e Ferrer avançam à 3a. rodada em Paris

Rafael Nadal não deu muitas chances ao argentino Facundo Bagnis, chegando a aplicar um pneu, e venceu por 6/3 6/0 e 6/3.

Novak Djokovic também precisou de apenas três sets, mas teve muito mais trabalho com o belga Steve Darcis, e venceu por 7/5 6/3 e 6/4, enquanto Tomas Berdych foi ao quarto set contra o tunisiano Malek Jaziri, vencendo por 6/1 2/6 6/2 e 6/4.

Quem ficou perto da eliminação foi Jo-Wilfried Tsonga, que perdeu os dois primeiros sets para Marcos Baghdatis, mas foi buscar a virada por 6/7(6) 3/6 6/3 6/2 e 6/2.

Dominic Thiem anotou 7/5 6/4 e 7/6(3) sobre o Guillermo Garcia-Lopez, e David Goffin venceu Carlos Berlocq por 7/5 6/1 e 6/4. Na última partida do dia, David Ferrer bateu Juan Monaco, com parciais de 6/7(4) 6/3 6/4 e 6/2.

Na sexta-feira, Nick Kyrgios e Richard Gasquet fazem um confronto muito aguardado na quadra Philippe-Chatrier, mesmo local da partida entre Jeremy Chardy e Stan Wawrinka.

Andy Murray vai tentar escapar do 5º set pela primeira vez no torneio, e terá pela frente o croata Ivo Karlovic, enquanto Milos Raonic joga contra o eslovaco Andrej Martin.

Destaque também para o jogo entre Kei Nishikori e Fernando Verdasco, além do confronto entre Gilles Simon e Viktor Troicki.

Foto: Cynthia Lum

Finalistas da Davis serão conhecidos neste final de semana: Sérvia x Canadá e República Tcheca x Argentina

Davis - trofeu peqSerão definidos neste final de semana os finalistas desta edição da Copa Davis, com os duelos Sérvia x Canadá e República Tcheca x Argentina.

Sérvia x Canadá – Belgrade Arena, Belgrado, Sérvia (saibro)

Histórico dos confrontos: Primeiro duelo entre os países

Mais uma vez, Novak Djokovic, nº 1 do mundo, é o destaque do time sérvio, que vai em busca do bicampeonato da competição, depois de ficar com o título em 2010. Janko Tipsarevic, Ilija Bolzojac e Nenad Zimonjic completam a equipe.

No lado canadense, que faz a sua melhor campanha da sua história, o principal nome é Milos Raonic, nº 11 da ATP. O experiente duplista Daniel Nestor, Frank Dancevic e Vasek Pospisil são os outros integrantes do time.

República Tcheca x Argentina – O2 Arena, Prague, Czech Republic – piso duro indoor

Histórico dos confrontos: 4×1 República Tcheca

A República Tcheca é a atual campeã da competição, superando a Espanha sem Rafael Nadal, em casa, na final do ano passado.

O país está em busca do tricampeonato, pois além de 2012, os tchecos também foram campeões em 1980. Thomas Berdych é o principal nome da equipe, que ainda conta com o experiente Radek Stepanek, Lukas Rosol, e a revelação Jiri Vesely, que vem se destacando em muitos torneios Challengers ao longo da temporada.

A Argentina, por sua vez, busca um título inédito e para isso vai tentar chegar à final sem eu principal nome no circuito, Juan Martin Del Potro.

Juan Monaco, Carlos Berlocq, Horacio Zeballos e Leonardo Mayer são os jogadores que terão a difícil missão de bater a República Tcheca fora de casa.

Foto do banner: Susan Mullaner