Nishikori luta por mais de 5hs e vira sobre Carreno Busta. Raonic supera Zverev

Em uma grande atuação, Milos Raonic garantiu sua vaga nas quartas de final do Australian Open, primeiro Grand Slam da temporada, disputado no piso duro de Melbourne.

Na madrugada desta segunda-feira, no horário de Brasília, o canadense simplesmente não tomou conhecimento do alemão Alexander Zverev nos dois primeiros sets e só teve trabalho na terceira parcial.

No fim, uma grande vitória por 6/1 6/1 e 7/6(5) e vaga para encarar nas quartas o francês Lucas Pouille, que anotou uma bela virada sobre o croata Borna Coric, com parciais de 6/7(4) 6/4 7/5 e 7/6(2).

Na rodada noturna, Kei Nishikori e Pablo Carreno Busta fizeram um incrível jogo de mais de 5hs de duração, que acabou com uma grande virada do japonês, por 3×2, depois de ficar dois sets abaixo.

O adversário de Nishikori foi definido na última partida do dia, entre Novak Djokovic e Daniil Medvedev, um jogo com muitas trocas de bola do fundo de quadra, no qual prevaleceu a consistência e o físico do sérvio, que levou a melhor com parciais de 6/4 6/7(5) 6/2 6/3.

As duas primeiras partidas das quartas de final serão disputadas a partir da noite desta segunda-feira, horário de Brasília, com a partida do grego Stefanos Tsitsipas, embalado pela vitória sobre Roger Federer, contra o espanhol Roberto Bautista-Agut, que vem de 9 vitórias seguidas.

Já na manhã de terça-feira, Rafael Nadal tem todo o favoritismo diante do norte-americano Francis Tiafoe, que vai fazer sua primeira semi de Grand Slam.

Foto: Luke Hemer/Tennis Australia

Cabeça 7, Thiem é eliminado em Melbourne. Nishikori supera Karlovic em 5 sets e Raonic bate Wawrinka

O 4º dia do Australian Open, primeiro Grand Slam da temporada, foi o primeiro que teve a programação um pouco afetada pela chuva, mas nada que pudesse cancelar jogos.

Na chave masculina, um dos principais cabeças de chave foi eliminado, já na manhã que quinta-feira, horário de Brasília. Dominic Thiem, 7º favorito, que lutou por 5 sets na primeira rodada contra Benoit Paire, não resistiu ao jovem  australiano Alexei Poyprin, que vencia por 7/5 7/5 e 2/0, quando viu o austríaco abandonar a partida.

Em um confronto de muito saque, Milos Raonic levou a melhor sobre Stan Wawrinka, depois de 4 sets e 4 tiebreaks.

Outro jogo com parciais bem equilibrada foi o que deu a vitória de Kei NIshikori sobre o croata Ivo Karlovic, decidido apenas no match-tiebreak do 5º set. O japonês já disputou 10 sets em 2 jogos.

Cabeça de chave 24, o sul-coreano Hyeon Chung foi superado pelo francês Pierre-Hugues Herbert por 3×1, enquanto Fabio Fognini e Borna Corica precisaram de apenas três parciais nas vitórias sobre Leonardo Mayer e Marton Fucsovics, respectivamente.

Federer vira sobre Kyrgios, vai à final em Stuttgart e garante volta ao topo do ranking

Roger Federer enfrentou seu primeiro grande adversário na temporada de grama, superou o desafio e chegou à semifinal do ATP 250 de Stuttgart, na Alemanha.

Neste sábado, o suíço bateu o australiano Nick Kyrgios, de virada, em uma partida muito equilibrada, com parciais de 6/7(2) 6/2 e 7/6(5).

Com o resultado, Federer garantiu seu retorno ao topo do ranking da ATP, ultrapassando novamente o espanhol Rafael Nadal, que abriu mão de disputar na próxima semana o ATP 500 de Quenn’s, voltando a jogar apenas em Wimbledon.

Na final deste domingo, Federer terá pela frente o canadense Milos Raonic, que passou na semifinal pelo francês Lucas Pouille por 6/4 e 7/6(3).

Del Potro e Raonic vencem e se enfrentam na semi em Indian Wells. Federer encara Coric

Neste sábado, serão disputadas as duas semifinais do Masters 1000 de Indian Wells, nos Estados Unidos, primeiro da temporada, disputado no piso duro.

A primeira partida terá Roger Federer em quadra, que segue em busca do seu sexto título no torneio. O suíço terá pela frente o croata Borna Coric, nº 49 do mundo. Os dois já se enfrentaram uma vez, na semi do ATP de Dubai, em 2015, quando o nº 1 do mundo venceu por 6/2 e 6/1.

A outra semi foi definida depois de dois jogos disputados nesta sexta-feira, com equilíbrio e decididos em três sets.

No primeiro deles, Milos Raonic superou o local Sam Querrey por 7/5 2/6 e 6/3. Depois, Juan Martin Del Potro virou sobre Philipp Kohlschreiber, com parciais de 3/6 6/3 e 6/4.

Os dois já se enfrentaram três vezes, com duas vitórias do argentino, sendo o confronto mais recente na semi do ATP de Delray Beach, no ano passado, com vitória de Del Potro.

Djokovic, Federer e Wawrinka vencem bem. Raonic perde na estreia do Australian Open

Dia sem grandes surpresas, apesar da eliminação de favoritos na chave masculina do Australian Open, primeiro Grand Slam da temporada, disputado no piso duro de Melbourne.

Um dos principais cabeças de chave eliminados logo na primeira rodada foi o canadense Milos Raonic, mas que já não vinha bem depois do longo período se recuperando de uma lesão. Na noite desta terça, horário de Brasília, ele foi superado pelo eslovaco Lukas Lacko por 3×1.

Outro cabeça de chave que se despediu na estreia foi o espanhol Roberto Bautista-Agut, que perdeu para o compatriota Fernando Verdasco pelo surpreendente placar de 3×0.

Quem também estava com a condição física bem questionada era Stan Wawrinka, mas ele conseguiu uma ao vitória por 3×1 sobre o lituano Ricardas Berankis, enquanto o alemão Alexander Zverev passou pelo italiano Thomas Fabbiano por 3×0.

David Goffin foi outro que precisou de quatro sets pra passar pelo alemão Mathias Bachinger, enquanto o russo Daniil Medvedev ganhou o confronto da nova geração contra o local Thanasi Kokkinakis por 3×1.

Cercados de expectativa, Roger Federer e Novak Djokovic estrearam bem, sem perder sets. O suíço superou o esloveno Alaz Bedene, enquanto o sérvio perdeu apenas 7 games diante do norte-americano Donald Young.

Já na manhã de terça-feira, o tcheco Tomas Berdych fez valer sua maior experiente e eliminou o empolgado australiano Alex De Minaur por 3×1.

A segunda rodada começa na noite desta terça-feira, horário de Brasília, e Rafael Nadal faz o terceiro jogo da Rod Laver Arena contra o argentino Leonardo Mayer.

No mesmo local, já na manhã de quarta-feira, Grigor Dimitrov joga contra o norte-americano Mackenzie McDonald, enquanto a Margaret Court terá o bom confronto entre Denis Shapovalov e Jo-Wilfired Tsonga.

Marin Cilic terá pela frente o português João Sousa na Hisense Arena, e Nick Kyrgios joga nesta mesma quadra contra o sérvio Viktor Troicki.

Para conferir a programação completa, clique aqui.

Foto: Ben Solomon/Tennis Australia

Nadal passa por Raonic em sets diretos, vai à semi e encara Dimitrov em Melbourne

Nadal 7 peqForam definidos os últimos dois semifinalistas da chave masculina do Australian Open, primeiro Grand Slam da temporada, disputado no piso duro.

No início da madrugada desta quarta-feira, horário de Brasília, o búlgaro Grigor Dimitrov confirmou o favoritismo e manteve o embalo diante do belga David Goffin. Sem dar chances, venceu em sets diretos, com parciais de 6/3 6/2 e 6/4.

Já na noite australiana e manhã do Brasil, Rafael Nada e Milos Raonic entraram em quadra pra fazer um aguardado jogo, que poderia ser mais equilibrado, não fosse os seis set points perdidos pelo canadense na segunda parcial, um deles com dupla falta.

O espanhol se aproveitou, se manteve firme e triunfou por três sets a zero, com parciais de 6/4 7/6 e 6/4.

Nada e Dimitrov já se enfrentaram oito vezes, com sete vitórias do ex-º 1 do mundo. Apesar disso, o búlgaro venceu o confronto mais recente, no ATP 500 de Pequim, no ano passado.

A outra semifinal será disputada já na rodada noturna desta quinta-feira, com o esperado jogo entre os suíços Roger Federer e Stan Wawrinka.

Foto: Ben Solomon/Tennis Australia

Em jogo de quase 5hs, Istomin bate Djokovic em Melbourne. Nadal e Raonic vencem

Istomin peqE a segunda rodada da chave masculina do Australian Open foi fechada com uma grande surpresa no primeiro Grand Slam da temporada, disputado no piso duro, em Melbourne.

Novak Djokovic, cinco vezes campeão em Melbourne, perdeu na segunda rodada para o uzbeque Denis Istomin, depois de um jogo de quase cinco horas, que acabou com parciais de 7/6(8) 5/7 2/6 7/6(5) e 6/4. O sérvio defendia o título do torneio.

Os outros favoritos não tiveram grandes problemas. David Ferrer chegou a perder o primeiro set, mas virou sobre o norte-americano Ernesto Escobedo, vencendo com parciais de 2/6 6/4 6/4 e 6/2, enquanto Milos Raonic passou em sets diretos pelo luxemburguês Gilles Muller por 6/3 6/4 e 7/6(4).

David Goffin não deu muitas chances ao experiente tcheco Radek Stepanek, vencendo por 6/4 6/0 e 6/3, e Gael Monfils anotou 6/3 6/4 1/6 e 6/0 sobre Alexandr Dolgopolov.

Já pela manhã, horário de Brasília, Dominic Thiem venceu o local Jordan Thompson por 6/2 6/1 6/7(8) e 6/4 e, e Rafael Nadal triunfou sobre o cipriota Marcos Baghdatis, com parciais de 6/3 6/1 e 6/3.

No 5º dia, um interessante confronto está marcado para a Rod Laver Arena, sendo o segundo jogo do dia, entre Stan Wawrinka e Viktor Troicki, mesmo local da partida entre Roger Federer e Tomas Berdych, que fecham a programação noturna.

Na Margaret Court, outro bom jogo, entre Jo-Wilfried Tsonga e Jack Sock, enquanto Kei Nishikori joga contra Lukas Lacko.

O nº 1 do mundo Andy Murray vai jogar na Hisense Arena contra o norte-americano Sam Querrey, e Bernard Tomic terá pela frente o britânico Daniel Evans na mesma quadra.

Para conferir a programação completa, clique aqui.

Djokovic, Nadal e Raonic jogam no 2º dia do Australian Open

Djokovic 2 peqO segundo dia de jogos do Australian Open, primeiro Grand Slam da temporada, terá a estreia de alguns dos principais cabeças de chave.

Cabeça de chave nº 9, Rafael Nada faz o último jogo da rodada diurna da Rod Laver Arena contra o alemão Florian Mayer.

Na mesma quadra, na noite de Melbourne e manhã do Brasil, Novak Djokovic encara Fernando Verdasco, que se enfrentaram no ATP de Doha, há alguns dias, quando o espanhol teve 5 match points antes de levar a virada.

Vale também destacar que Milos Raonic faz o segundo jogo da Margaret Court, contra o alemão Dustin Brown, enquanto Grigor Dimitrov, embalado pelo título do ATP de Brisbane, joga a primeira partida da noite, contra o local Christopher O’Conell.

Para conferir a programação completa, clique aqui.

Murray bate Wawrinka e encara Raonic na semi do Finals. Djokovic x Nishikori

murray-peqO britânico Andy Murray garantiu, nesta sexta-feira, sua vaga na semifinal do ATP Finals, torneio que reúne os oito melhores tenistas da temporada, na O2 Arena, em Londres.

O nº 1 do mundo bateu o suíço Stan Wawrinka por 6/4 6/2 e garantiu o primeiro lugar do grupo John McEnroe.

Seu adversário neste sábado será o canadense Milos Raonic, segundo colocado no gripo Ivan Lendl, que perdeu apenas para Novak Djokovic na primeira fase, vencendo Gael Monfils e Dominic Thiem.

A outra semifinal será disputada entre o sérvio e o japonês Kei Nishikori, que já tinha sua vaga garantida antes de perder nesta sexta para o croata Marin Cilic por 3/6 6/2 e 6/3.

Raonic bate Thiem em confronto direto e vai à semi do Finals. Murray joga por vaga na 6ª

raonic-peqFoi encerrada nesta quinta-feira a primeira fase do grupo Ivan Lendl do ATP Finals, torneio que reúne os oito melhores tenistas e as oito melhores duplas da temporada, no piso duro coberto da O2 Arena, em Londres.

Na primeira partida do dia, Novak Djokovic não teve muito trabalho contra o belga David Goffin, substituto do lesionado Gael Monfils, e venceu por 61 e 6/2, garantindo o primeiro lugar da chave.

Fechando a programação, Milos Raonic e Dominic Thiem fizeram um confronto direto pela segunda vaga na semifinal e melhor para o canadense, que bateu o austríaco 7/6(5) e 6/3.

Os classificados do grupo John McEnroe serão definidos nesta sexta-feira, sendo a primeira partida entre o britânico Andy Murray e o suíço Stan Wawrinka. No último jogo do dia, o japonês Kei Nishikori terá pela frente o croata Marin Cilic, único que não tem mais chances de classificação.