Jovem canadense Andreescu vence Serena em NY e conquista o título do US Open

A canadense Bianca Andreescu fez História! Neste sábado, a jovem canadense conquistou o título do US Open, em sua primeira participação na chave principal do Grand Slam nova-iorquino.

Aos 19 anos, a canadense, que foi apenas a segunda tenista do seu país a chegar à final de um Grand Slam em toda História – a outra foi Eugenie Bouchard, em Wimbledon/2014 – conseguiu algo gigantesco diante de uma das maiores – ou maior – tenista de todos os tempos.

Jogando em um Arthur Ashe Stadium lotado, como era esperado, quase todo ele torcendo pra tenista da casa, claro, ela não se impôs, manteve seu jogo super agressivo, ótimo saque, excelente movimentação pra bater Serena Williams em sets diretos.

Mesmo assim, não foi fácil. Depois de anotar 6/3 no 1º set, ela abriu 5/1 no 2º, teve match-point, mas viu a reação da Serena que, apoiada pelo público, foi buscar a igualdade, devolvendo duas quebras de saque.

Porém, Andreescu mostrou toda sua personalidade pra voltar a confirmar o saque e anotar a quebra decisiva em seguida, com uma bela devolução vencedora. 7/5 e fim de jogo.

Com isso, a norte-americana mantém seus 23 títulos de Grand Slam e adia a chegada ao recorde de Margareth Court, que tem 24.

Andreescu ratifica seu ótimo momento, já que vem de uma temporada muito boa, inclusive com o título em Indian Wells e Toronto.

Foto: Cynthia Lum

 

Andreescu e Serena farão aguardada final do US Open, neste sábado

Aquele velho clichê: conflito de gerações. Assim será a grande final feminina do US Open, quarto e último Grand Slam da temporada, disputado no piso duro de Nova Iorque, nos Estados Unidos.

Serena Williams conseguiu sua vaga com certa tranquilidade na tarde desta quinta-feira ao bater o ucraniana Elina Svitolina, em sets diretos, com parciais de 6/3 e 6/1.

Com isso, a norte-americana segue pra tentar conquistar o 7º título do US Open, o que também significaria igualar a marca de 24 títulos de Grand Slam de Margareth Court.

Porém, a tarefa dela não deve ser fácil, já que terá pela frente uma das maiores revelações do circuito da atualidade, pois vai encarar a jovem Bianca Andreescu.

A canadense de apenas 19 anos, que disputa a chave principal do seu US Open pela primeira vez na carreira, conseguiu sua vaga depois de vencer a partida diante da suíça Belinda Bencic, com parciais de 7/6(3) e 7/5.

Vale lembrar a fase espetacular de Andreescu que, obviamente, busca seu primeiro título de Slam, e já conquistou neste ano os títulos de Newport, Indian Wells e Toronto, torneio no qual enfrentou Serena na final, mas viu a adversária abandonar a partida ainda no primeiro set, com uma lesão, quando a canadense vencia por 3/1.

A final feminina está marcada para este sábado, às 17h, horário de Brasília.

Foto: Cynthia Lum

 

 

 

Andreescu vence Mertens de virada e faz semi do US Open contra a suíça Bencic

A suíça Belinda Bencic, enfim, garantiu sua melhor campanha de Slam da carreira e chegou à semifinal do US Open, disputado no piso duro de Nova Iorque.

Bencic sempre foi considerada uma grande promessa, principalmente por ter sido nº 1 do ranking juvenil, e mesmo com vitórias de destaque como profissional, faltava um resultado mais expressivo.

E ela deu mais um passo nesta quarta-feira, quando venceu em sets diretos a croata Donna Vekic, em sets diretos, com parciais de 7/6(5) e 6/3.

Agora, ela terá pela frente a revelação canadense Bianca Andreescu, que precisou se recuperar na partida diante da belga Elise Mertens pra vencer de virada.

Mertens usou sua experiência pra conter a agressividade de Andreescu e triunfar na primeira parcial por 6/3, mas as bolas da jovem de 19 anos passaram a entrar a partir do 2º set e ela anotou sua virada com parciais de 6/2 e 6/3.

Mesmo de gerações diferentes, será uma semifinal jovem, já que a suíça tem apenas 22 anos, e que vai colocar uma estreante na final de um Grand Slam.

A partida vai encerrar a rodada noturna desta quinta-feira, com ambas querendo seu lugar na final do próximo sábado.

O sábado em NY terá Wozniacki x Andreescu e aguardado confronto entre Osaka e Gauff

Continua neste sábado a terceira rodada da chave feminina do US Open, quarto e último Grand Slam da temporada, disputado no piso duro de Nova Iorque, nos Estados Unidos.

A programação do Arthur Ashe Stadium será aberta pela dinamarquesa Caroline Wozniacki, que terá pela frente a jovem e talentosa Bianca Andreescu, no confronto entre as cabeças de chave nº 19 e 15, respectivamente.

Ainda durante o dia, a norte-americana Taylor Townsend, embalada pela vitória sobre Simona Halep,  encara mais uma romena, a experiente Sorana Cirstea, no Louis Armstrong Stadium, mesmo local da partida entre Kiki Bertens e Julia Goerges.

A rodada noturna terá no Ashe a aguardada partida entre a japonesa Naomi Osaka, nº 1 do mundo, e a revelação local Cori Gauff, de apenas 15 anos.

Para conferir a programação completa, clique aqui.

Serena perde set, mas supera estreia em Miami. Venus, Halep, Wozniacki e Andreescu também vencem

Serena Williams estreou com uma vitória difícil no Miami Open, WTA Premier disputado no piso duro, nos Estados Unidos.

Nesta sexta-feira, a nº 10 do mundo passou pela segunda rodada ao bater em três sets a sueca Rebecca Peterson, com parciais de 6/3 1/6 e 6/1. Agora, na terceira rodada, ela terá pela frente a chinesa Qiang Wang, em confronto que será inédito.

Quem também venceu pra chegar à terceira rodada foi sua irmã Venus, que anotou 7/6(4) e 6/1 sobre a espanhola Carla Suarez Navarro.

A canadense Bianca Andreescu segue embalada depois do título em Indian Wells e agora já está na terceira rodada depois de passar pela norte-americana Sofia Kenin com um duplo 6/3.

Vale destacar também a vitória tranquila de Simona Halep sobre a norte-americana Taylor Townsend, além do triunfo de Caroline Wozniacki sobre a bielorrussa Aliaksandra Sasnovich.

Andreescu supera Kerber e, aos 18 anos, conquista seu 1º título logo no Premier de Indian Wells

A nova geração chegou de vez na WTA. A canadense Bianca Andreescu, de apenas 18 anos, já começou a escrever uma bela História no tênis feminino ao conquistar o primeiro título da sua carreira, logo no WTA Premier de Indian Wells, nos Estados Unidos.

Neste domingo, a jovem talentosa conseguiu esse feito depois de bater a alemã Angelique Kerber, ex-nº 1 do mundo, com parciais de 6/4 3/6 e 6/4.

“Depois de falar com o meu treinador (no meio do 3º set), deixei tudo em quadra”, disse Andreescu. “Naquele momento eu estava muito cansada, então fui busquei mais meus golpes e isso obviamente funcionou. Nos outros games eu fiz a mesma coisa. E eu apenas lutei até o final, porque fisicamente eu não estava me sentindo muito bem. Sim, lutei até o fim, consegui sobreviver.”

Com o resultado, ela vai entrar pela primeira vez no top-30 do ranking da WTA, isso depois de começar o ano fora do top-150.

Foi mesmo uma semana especial para ela, que durante sua campanha venceu nomes como a espanhola Garbine Muguruza e a ucraniana Elina Svitolina:

“Foi um pouco louco”, continuou Andreescu. “Verdadeiramente uma história da Cinderela…E agora, ser capaz de ter meu nome na frente de tantos campeões incríveis significa o mundo para mim.” concluiu.