Melo e Kubot perdem nas quartas do ATP de Adelaide. Soares e Pavic são superados na estreia em Auckland

Depois de iniciar a temporada em Adelaide, foco agora no Australian Open, primeiro Grand Slam de 2020. Marcelo Melo e Lukasz Kubot seguem nesta quinta-feira (16) para Melbourne após a disputa do ATP 250 de Adelaide. A dupla – cabeça de chave número 2 – parou nas quartas de final do torneio preparatório para o Grand Slam na Austrália. Na madrugada desta quarta-feira (15), o argentino Maximo Gonzalez e o francês Fabrice Martin marcaram 2 sets a 0, parciais de 6/4 e 7/5, em 1h29min. O Australian Open será realizado a partir desta segunda-feira (20) até o dia 2 de fevereiro.

“Hoje não deu por aqui. Eles jogaram um pouco melhor que a gente. Mas, o jogo não foi muito bom. Estava ventando muito. Foi um jogo de quem soube lidar um pouquinho mais. Acabaram ganhando um ponto ou outro mais decisivo”, explicou Melo.

“Importante agora é focar em Melbourne. Estamos viajando amanhã (quinta). Fazer uma boa preparação lá para ir com tudo no primeiro Grand Slam do ano”, completou.

No primeiro set, a partir do segundo game, uma sequência de quebras, até o empate em 3 a 3, com as duas duplas passando a manter os seus serviços. Aí, no décimo e último game, Gonzalez e Martin conseguiram novo break para marcar 6/4, após 40 minutos, e sair na frente. Os adversários voltaram a quebrar no início da segunda série, abrindo 2 a 0, mas Melo e Kubot devolveram, deixando tudo igual, na sequência, em 2 a 2, em busca da reação. O jogo seguiu equilibrado até o décimo segundo e último game do set, quando com novo break Gonzalez e Martin fecharam em 7/5.

No ATP 250 de Auckland, na Nova Zelândia, também disputado no piso duro, Bruno Soares e o croata Mate Pavic foram superados na estreia pela dupla formada pelo dinamarquês Frederik Nielsen e o alemão Tim Puetz, em jogo equilibrado que acabou com parciais de 6/7(5) 6/3 e 10/7.

Monteiro leva virada de Paire na segunda rodada do ATP 250 de Auckland

Depois de furar o qualifying e vencer uma rodada na chave principal, Thiago Monteiro foi eliminado na segunda rodada do ATP 250 de Auckland, na Nova Zelândia, que é disputado no piso duro.

Na madrugada desta quarta-feira, no horário de Brasília, o brasileiro foi superado de virada pelo francês Benoit Paire, com parciais de 4/6 6/4 e 6/3.

Agora, Monteiro segue para Melbourne, para a disputa do Australian Open, primeiro Grand Slam da temporada.

 

Depois de vencer Mayer e furar o quali, Monteiro encare Norrie, neste domingo, na 1ª rodada do ATP de Auckland

Thiago Monteiro furou o qualifying do ATP 250 de Auckland, na Nova Zelândia, que é disputado no piso duro.

Neste sábado, o brasileiro, atual nº 87 do ranking da ATP, precisou de três sets pra bater o argentino Leonardo Mayer, com parciais de 7/6(3) 4/6 e 6/1.

Monteiro já vai entrar em quadra pela primeira rodada na noite deste domingo, horário de Brasília, enfrentando o britânico Cameron Norrie, nº 52 do mundo, em confronto que será inédito.

Essa é a primeira participação do brasileiro do torneio de Auckland.

Monteiro passa pela estreia do quali do ATP de Auckland e enfrenta argentino Mayer por vaga na chave principal

Thiago Monteiro estreou com vitória no qualifying do ATP 250 de Auckland, na Nova Zelândia, que é disputado no piso duro.

Na noite desta sexta-feira, horário de Brasília, o brasileiro superou o local Ajeet Rai, em sets diretos, com parciais de 6/4 e 6/2.

Agora, por vaga na chave principal, Monteiro terá pela frente o conhecido argentino Leonardo Mayer, que precisou de três sets pra superar na primeira rodada o também local Rhett Purcell.

Monteiro e Mayer já se enfrentaram uma vez, no saibro do Challenger de Buenos Aires, em 2016, com vitória do argentino em sets diretos.

 

Depois de furar o quali, Rogerinho perde na primeira rodada do ATP de Auckland

Depois de furar o qualifying, Rogério Dutra Silva perdeu na primeira rodada do ATP 250 de Auckland, na Nova Zelândia, que é disputado no piso duro e que serve como preparação para o Australian Open.

Na manhã desta segunda-feira, o brasileiro foi superado pelo canadense Denis Shapovalov, nº 50 do mundo, em sets diretos, com parciais de 6/3 e 6/2.

Agora, Rogerinho segue para disputa do primeiro Grand Slam da temporada, em Melbourne, que começa na noite do próximo domingo, horário de Brasília.

Rogerinho fura o quali do ATP de Auckland e estreia contra Shapovalov, na 2ª feira

Rogério Dutra Silva, o Rogerinho, começou bem sua temporada, furando o qualifying do ATP 250 de Auckland, na Nova Zelândia, que é disputado no piso duro e que serve como última preparação para o Australian Open, primeiro Grand Slam da temporada.

Na noite deste sábado, horário de Brasília, o brasileiro conseguiu a segunda vitória e a vaga na chave ao bater o eslovaco Lukas Lacko, em sets diretos, com parciais de 7/5 e 6/4.

Seu adversário na primeira rodada, já nesta segunda-feira, será o canadense Denis Shapovalov, nº 51 do mundo. Os dois já se enfrentaram uma vez, na primeira rodada do Masters 1000 de Montreal do ano passado, quando Shapovalov venceu de virada, depois de salvar 4 match points.

Soares e Murray batem colombianos, vão à final e buscam o bi do ATP de Sydney

Soares e Murray na final peqBruno Soares e o britânico Jamie Murray estão na final do ATP 250 de Sydney, na Austrália, que é disputado no piso duro.

Na madrugada desta sexta-feira, o brasileiro e o britânico superaram, em sets diretos, a parceria dos colombianos Juan Sebastian Cabal e o Robert Farah, com parciais de 6/3 e 7/6(4).

Bruno e Jamie repetem a final do ano passado, quando foram campeões do mesmo torneio, embalando para a conquista do Australian Open na sequência.

Seus adversários na decisão serão os holandeses Wesley Koolhof e Matwe Middelkoop.

No ATP 250 de Auckland, na Nova Zelândia, Marcelo Demoliner e o local Marcus Daniell perderam na semifinal para o polonês Marcin Matkowski e o paquistanês Aisam Ul Haq Qreshi, por duplo 6/4.

Soares e Murray enfrentam Cabal e Farah em Sydney. Demoliner vence dupla de Sá

Soares e Murray peqBruno Soares e Jamie Murray estão na semifinal do ATP 250 de Sydney, na Austrália, que é disputado no piso duro.

Na madrugada desta quinta-feira, eles bateram a parceria alemã formada por Florian Mayer e Philipp Petzschner, com parciais de 6/3 e 6/4. Na semi, eles enfrentam os colombianos Juan Sebastian Cabal e Robert Farah, responsáveis pela eliminação de Marcelo Melo e Lukasz Kubot na estreia.

No ATP de Auckland, na Nova Zelândia, também disputado no piso duro, Marcelo Demoliner e o local Marcus Daniell superaram André Sá e o indiano Leander Paes em sets diretos, com parciais de 6/3 e 7/6(4).

Por vaga na final, eles encaram o polonês Marcin Matkowski e o paquistanês Aisam Ul Haq Qreshi.

 

Sá e Paes vencem cabeças 1 em Auckland e jogam contra dupla de Demoliner

Chennai: India's Leander Paes during a practice session for the ATP Chennai Open 2017 in Chennai on Monday. PTI Photo (PTI1_2_2017_000198A)

André Sá e o indiano Leander Paes estrearam com vitória no ATP 250 de Acukland, na Nova Zelândia, que é disputado no piso duro.

Jogando o segundo do torneio da parceria que formaram para este ano, eles venceram a dupla formada pelo filipino Treat Huey e o bielorrusso Max Mirnyi, cabeças de chave nº1, em sets diretos, com parciais de 7/6(3) e 6/3.

Nas quartas de final, que será disputada na madrugada de quinta, seus adversários serão Marcelo Demoliner e o neozelandês Marcus Daniell, que bateram o argentino Guillermo Duran e o português João Sousa por duplo 6/4.

No ATP 250 de Sydney, na Austrália, também disputado no piso duro, Bruno Soares e o britânico Jamie Murray  nem precisaram entrar em quadra e venceram por W.O o espanhol Nicolas Almagro e o italiano Paolo Lorenzi.

Nas quartas, também neste quinta-feira, terão pela frente os alemães Florian Mayer e Philipp Petzschner.

Soares e Murray são favoritos em Sydney. Melo também joga. Sá e Demoliner em Auckland

soares-e-murray-peqDois brasileiros estão na chave de duplas do ATP 250 de Sydney, na Austrália, que é disputado no piso duro.

Cabeças de chave nº 1, Bruno Soares e Jamie Murray, campeões do torneio no ano passado, terão pela frente na primeira rodada o espanhol Nicolas Almagro e o italiano Paolo Lorenzi.

Outro mineiro na chave é Marcelo Melo, que joga com o polonês Lukasz Kubot como cabeças 3. Na primeira rodada, enfrentam o colombiano Juan Sebastian Cabal e Robert Farah.

No ATP 250 de Auckland, na Nova Zelândia, também disputado no piso duro, André Sá e o indiano Leander Paes estreiam logo contra os principais favoritos, o bielorrusso Max Mirnyi e o filipino Treat Huey.

Marcelo Demoliner também joga o torneio, ao lado do local Marcus Daniell, estreando contra o argentino Guillermo Duran e o português João Sousa.